Honda do Brasil quer ampliar produção

A Honda do Brasil quer fabricar cerca de 900 mil unidades este ano, n£mero pr¢ximo de sua capacidade total de produ‡Æo no Pa¡s, que beira 1 milhÆo de unidades, ante as 741,76 mil unidades feitas em 2002.

Por isso a empresa j  tra‡a estrat‚gias de como ampliar este n£mero dentro de pouco tempo. No atual ritmo de expansÆo do mercado de motocicletas, que fechou 2002 com crescimento de 14,5% nas vendas em rela‡Æo a 2001, a empresa nÆo conseguir  atender a demanda j  em 2004. “Vamos ampliar a produ‡Æo. Ainda nÆo definimos se aumentaremos a f brica atual, ou se teremos uma segunda”, disse o presidente do Grupo Honda no Brasil, Koichi Kondo.

Pelas pistas dadas por ele, a primeira op‡Æo parece mais vi vel. Hoje, a f brica brasileira da Honda s¢ perde, em termos de produ‡Æo, para as unidades localizadas na Öndia, na Indon‚sia e na Tailƒndia. “Em breve deveremos ultrapassar a Tailƒndia”, disse. A £ltima amplia‡Æo de capacidade da Honda em sua f brica na Amaz“nia ocorreu em 1999, quando o total foi ampliado de 700 mil unidades para a quantidade atual.

O crescimento do mercado nacional deve continuar em ritmo fren‚tico, se comparado ao setor automotivo, que registrou retra‡Æo em 2002 no Pa¡s. “O Brasil ‚ um mercado com potencial extremante alto”, disse o diretor-executivo Kazuo Nozawa”. De acordo com ele, a rela‡Æo habitante por moto no Pa¡s ‚ de 43 pessoas para cada unidade. Na Espanha, por exemplo, esta rela‡Æo cai para 11 habitantes/moto e, na It lia, chega a 6 habitantes/moto. A Honda espera vender 823 mil unidades no mercado interno em 2003.

Outro dado que mostra a imaturidade do mercado nacional tem por base pesquisa feita pela Honda que mostra que 40% dos seus clientes estÆo comprando sua primeira moto, enquanto outros 45% nÆo tˆm outro meio de locomo‡Æo.

Al‚m do crescente mercado interno, as vendas externas da empresa tamb‚m devem continuar a crescer. A meta ‚ comercializar 77 mil unidades, contra pouco mais de 59 mil motocicletas vendidas ao exterior em 2002. “Vamos ampliar as exporta‡äes para Am‚rica do Norte, Europa e µfrica”, disse o presidente do grupo. Hoje, a Honda do Brasil exporta para 36 pa¡ses.

No mundo, a Honda comercializou pouco mais de 8,05 milhäes de motos, montante que pretende ampliar para 9,25 milhäes em 2003. No Brasil, a empresa ‚ l¡der de mercado, com 86,1% de participa‡Æo.