Humberto Martin é destaque nos treinos de sábado em Brasília

Debaixo de uma chuvinha fina (após um forte calor pela manhã), foram realizados na tarde deste sábado, na Pista do Cave, no Guará/DF, os treinos classificatórios para a 7ª e penúltima etapa do Pro Tork Brasileiro de Motocross 2010. Entre os destaques do dia, o venezuelano Humberto Martin (Pro Tork/Rinaldi), que fez a pole na MX2 e ficou em segundo na MX1; o catarinense Mlton “Chumbinho” Becker, que fez a pole na MX3; e o americano Scott Simon (Pro Tork), o mais rápido na MX1 e que pode garantir dois títulos nacionais neste domingo.

Após um período de treinos em sua terra natal, Humberto Martin voltou ao Brasil em excelente forma. O piloto venezuelano começou o sábado como o mais rápido na MX2, com o tempo de 1m46s375, seguido pelo paulista Eduardo “Dudu” Lima (Vaz/Kawasaki/Rinaldi), com 1m47s075, e Scott Simon (Pro Tork), com 1m47s272. No fim do dia, Humberto voltou a andar forte e lutou bastante com Simon pela primeira posição do treino da MX1. Dudu Lima foi o terceiro mais rápido.

– Após o treino livre, quando consegui o 3º melhor tempo, minha equipe decidiu trocar a suspensão, e foi um acerto, pois andei ainda melhor, fazendo o primeiro tempo. Espero fazer uma boa largada e uma boa prova amanhã (domingo), pois os tempos dos cinco primeiros colocados estão muito próximos – declarou Humberto Martin, após o treino. – Não sei comoe estará o tempo no domingo, mas gosto de correr na chuva, pois exige mais a técnica de cada piloto. Estou bastante satisfeito, agradeço aos meus patrocinadores pelo apoio e espero fazer uma boa prova amanhã – completou o piloto venezuelano.

Na MX3, o catarinense Milton “Chumbinho” Becker (Pro Tork), vencedor da 6ª etapa, em Nova Friburgo/RJ, cravou o melhor tempo, com 1m49s064, seguido por Davis Guimarães (Pro Tork), atual líder do campeonato, com 1m50s427, e Nielsen Bueno (Suzuki), 1m52s007.

– Ainda tem muita coisa pela frente. Estamos fazendo um trabalho para poder voltar ao nível que estava antes do acidente, mas a rapaziada aí está em um ritmo muito forte. Estou bem melhor fisicamente, mas ainda falta um pouco de ritmo de competição. Espero continuar melhorando a cada etapa, e que amanhã eu consiga sair daqui com pontos importantes – ressaltou Chumbinho.

Enzo Lopes (Pirelli/Freeday) foi o mais rápido na 65cc, com 2m09s218, à frente de José Brayan Soares (Kaiani/Dipil), com 2m12s067, e Kyoman Munhoz (Rinaldi/Agel), com 2m13s935. Na 85cc, que não teve a presença do campeão Anderson Amaral, a pole ficou com João Pedro Pinho Ribeiro (Brasil Racing/Fly/Dragon), 1m54s525, com Lucas Boettcher (Pref. Três Ranchos), com 1m58s463, em segundo, e Hallex Dalfovo (Pro Tork/TBT), 1m58s486, em terceiro. Na categoria 230cc, o líder da temporada, Carlos Eduardo Mendes Franco (Pro Tork), foi o mais rápido, superando Ismael Rojas (Conti Bier/IMS) e Wolney Ferreira.

A programação deste domingo começa com o warm up (treino de aquecimento), das 9h às 10h40m. A abertura oficial acontece às 11h30m, com as primeiras motos entrando na pista, pela categoria MX3, às 12h20m.

Resultado dos treinos classificatórios:

MX1
1º – Scott Simon
2º – Humberto Martin
3º – Dudu Lima
4º – Douglas parise
5º – Milton Becker

MX2
1º – Humberto Martin
2º – Dudu Lima
3º – Scott Simon
4º – Douglas Parise
5º – Marçal Muller

MX3
1º – Milton Becker
2º – Davis Guimarães
3º – Nielsen Bueno
4º – Nico Rocha
5º – Walter Tardin

65cc
1º – Enzo Lopes
2º – José Brayan Soares
3º – Kioman Munhoz
4º – Gabriel Della Flora
5º – Matheus Galves de Souza

85cc
1º – João Pedro Pinho
2º – Lucas Boettcher Frazão
3º – Hallex Dalfovo
4º – Cristian Scherer
5º – José Brayan Soares

230cc
1º – Carlos Eduardo Franco
2º – Ismael Rojas
3º – Wolney Ferreira
4º – Lucas Piretti
5º – Victor Gontijo

Programação deste domingo:

Warm-Up – 9h às 10h50m
Abertura Oficial – 11h

Provas:
MX3 – 12h20m
65cc – 13h10m
MX2 – 14h
230cc – 15h
85cc – 15h50m
MX1 – 16h40m