Indústria De Motocicletas Confirma Crescimento e Abraciclo Anuncia Nova Montadora Associada

Os n£meros de produ‡Æo e vendas apontam a continuidade crescente do segmento de transporte de duas rodas em rela‡Æo a ano anterior. A Dafra ‚ a mais nova integrante da entidade

Como j  previsto pela Abraciclo – Associa‡Æo Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares -, a ind£stria brasileira de motocicletas continua projetando-se positivamente e de maneira efetiva no mercado. Os dados levantados em fevereiro deste ano assinalam um crescimento na produ‡Æo e nas vendas se comparado ao ano anterior, o que se deve a evidente consolida‡Æo do setor e a aceita‡Æo real do produto pelos brasileiros.

Os n£meros referentes … produ‡Æo em fevereiro deste ano apontam 163.479 unidades, contra 130.044 motocicletas produzidas se comparada ao idˆntico mˆs de 2007, o que representa um crescimento de 25,7%. O acumulado na produ‡Æo tamb‚m apresenta bons resultados. Foram produzidas, no ano anterior, 279.046 unidades e este ano as montadoras registram a produ‡Æo de 348.358 novas motocicletas, uma eleva‡Æo de 24,8%. J  em rela‡Æo ao comparativo da produ‡Æo de fevereiro, 163.479, com o mˆs de janeiro onde foram produzidas 184.879 pode ser observado uma leve queda de 11,6%.

As vendas apontam um mercado aquecido. Os n£meros no mˆs de fevereiro chegam a 155.222 motocicletas comercializadas, um crescimento de 29,8% se comparado ao mesmo mˆs em 2007, que registrou a venda de 119.607 unidades. Apenas uma leve queda de 9,3% pode ser observada se comparada ao mˆs de janeiro deste ano, com 171.046 motocicletas vendidas.

Segundo o presidente da Abraciclo, Paulo Shuiti Takeuchi, a entidade entende que as pequenas quedas em vendas e na produ‡Æo se comparadas ao mˆs de janeiro se devem ao curto calend rio do mˆs de fevereiro. “Menos dias £teis. Este ‚ o fator predominante e causador das quedas apresentadas. Seguindo o hist¢rico da ind£stria e do mercado de motocicletas, poderemos constatar que o mˆs de fevereiro sempre apresentou algumas varia‡äes, no entanto em mar‡o h  uma estabiliza‡Æo e continuidade da linha de crescimento j  apresentada pelo setor”, analisa Takeuchi.

J  as exporta‡äes contabilizam 10.647 unidades vendidas ao mercado externo, um crescimento de 34,6% se comparada a idˆntico per¡odo de 2007, que registrou 7.912 motocicletas. Em janeiro foram exportadas 6.048 unidades, o que representa um acr‚scimo de 76% em fevereiro.

“Em fun‡Æo dos programas de exporta‡Æo dos compradores estrangeiros houve uma demanda maior para atender os contratos, o que justifica este crescimento acentuado”, avalia Takeuchi.

Abraciclo 2008: Nova Montadora Associada
Acompanhando o consistente e promissor crescimento de mercado e as boas perspectivas para 2008, a Abraciclo confirma as tendˆncias positivas para o setor e anuncia a chegada de uma nova associada, a Dafra.

A empresa, que ‚ origin ria de uma importante rede nacional de concession rias, presente h  mais de 30 anos no mercado automotivo, o Grupo Itavema, iniciou suas atividades no P¢lo Industrial de Manaus. A empresa deu start em sua produ‡Æo em dezembro do ano passado e, tÆo logo instale sua rede de concession rias e realize os lan‡amentos iniciais, colocar  … disposi‡Æo do mercado quatro modelos de motocicletas.

“O mercado de motocicletas est  crescendo muito e atende a um universo cada vez maior de usu rios.  de grande importƒncia para a Dafra estabelecer esse contato pr¢ximo e direto com a Abraciclo, j  que as preocupa‡äes e comprometimento da entidade relacionados … qualidade dos produtos e … seguran‡a no trƒnsito sÆo compartilhadas por nossa empresa”, declarou o presidente da Dafra, Creso Franco.

“A Abraciclo avaliou criteriosamente os requisitos m¡nimos exigidos e a Dafra foi aprovada na integra para o quadro de associados da entidade”, afirmou por sua vez o presidente da Abraciclo, Paulo Shuiti Takeuchi.

Em seu primeiro ano, a empresa j  projeta um faturamento de R$ 240 milhäes decorrentes da produ‡Æo de 80 mil motocicletas em 2008. A meta da Dafra ‚ atingir 10% de market share em 2012.

Entidade énica E Unida – “Esperamos, ainda para este ano, novas adesäes e a consolida‡Æo da entidade como leg¡tima e £nica representante do segmento perante a sociedade, o governo e com referˆncia a assuntos ligados … utiliza‡Æo, … seguran‡a e ao respeito … motocicleta como meio de transporte racional, econ“mico e adequado … realidade brasileira. Temos como certo que todas as empresas atuantes no setor serÆo beneficiadas com uma entidade forte, unida e pronta para servir de interface em favor da motocicleta, da bicicleta e de seus usu rios. Ser  um ano de grande importƒncia para o universo do transporte em duas rodas”, declarou o diretor executivo da entidade, Moacyr Alberto Paes.