Foto: Bitenca

Injeção, características, Vida do motor, Troca de óleo da Büel, FZ Zero com 150Km

Foto: Bitenca

Foto: Bitenca

Injeção, características
Caros, qual o motivo de terem falado tanto que a Fazer/Lander precisa de 5 litros de reserva no tanque, pra evitar uma pane seca e danificar a bomba e na nova titan/biz nunca ouvi nada a respeito. Só ouvi o seguinte: cuidado, porque não tem reserva, quando acabar acabou. Porque isso? São sistemas diferentes? Felipe 26 Itaperuna RJ
R: Felipe, as motos como os automóveis injetados tem bombas de alta pressão para funcionar. Uma das suas características é que elas não podem funcionar secas. Esses sistemas contam com um sensor que corta a ignição ao chegar no nível crítico para o bom funcionamento, por isso, mesmo que você verifique que há gasolina no tanque da moto ela pode não funcionar porque esse dispositivo entrou em ação. A torneira de reserva nas motos carburadas provoca uma parada por falta de combustível para que você acione-a manualmente para ir reabastecer, nas injetadas como essa parada seria prejudicial ao sistema ela não ocorre. A gasolina passa para a reserva automaticamente, sem parar o motor. Há apenas um aviso pelo mostrador ou por uma luz no painel. Abraços

Foto: Bitenca

Foto: Bitenca

Vida do motor
Primeiramente parabens pelos otimos trabalhos !!! Qual e o tempo de vida util do motor das hondas crf 250 x/r e cr 250? Apos quantas horas de uso , se faz necesario uma revisão ? A crf 250 r tambem encara trilhas de fim de semana ? Abraços Devaldo, 28, Gravata PE
R: Devaldo, não se pode fazer uma previsão de vida útil de um motor, principalmente de competição. As condições de uso variam por demais para que se possa dar um número. O que se pode dizer, em geral, é que o motor da CR 250 por ser de dois tempos e trabalhar num regime mais tranquilo em tese deve durar mais que o de 4 tempos, pois este tem um desenho mais radical, motivado pela maior dificuldade de obter potência nessa configuração. Pode-se comparar a CRF250 com a CR125 em termos de durabilidade e desempenho, portanto é um pouco nervosa para uso descompromissado em trilhas. Deve-se fazer a manutenção do motor a cada três ou quatro corridas, regulando e verificando as partes principais do motor. Sempre, depois de andar deve-se fazer a manutenção básica de filtro de ar, transmissão, freios e verificação da suspensão, comandos, lubrificação e reaperto geral.

Troca de óleo da Büel
Estou com uma duvidas e preciso da ajuda de vocês , comprei uma Buell Firebolt 1200 e gostaria de saber quantos litros de oléo vai no motor? pois comprei ela em um leilão e esta sem manual, muito obrigado. Uziel, 35, São Paulo, SP
Uziel, o volume de óleo recomendado para essa Buel é 2,4 litros e mais 120ml se trocar o filtro. Rode um pouco para esquentar antes de tirar o óleo, coloque uma bacia para drená-lo e solte o bujão da balança/tanque com uma chave de 5/8″. Retire a tampa-vareta de medir o nível e para trocar o filtro retire a carenagem sob a frente do motor, virando a direção totalmente à direita ou à esquerda para liberar os 2 parafusos da frente. Após soltar esses, solte a lateral esquerda e depois a direita. Retire o filtro de óleo com um alicate ou chave de filtro, limpe a área de contato do filtro e passe uma fina camada de óleo na superfície da junta. Coloque aproximadamente 120ml de óleo até que encha metade do filtro antes de rosqueá-lo com a mão até 1/2 ou 3/4 de volta de aperto.
Recoloque o bujão e encha o tanque com o volume acima e troque o anel da vareta de verificação do nível se necessário. Retire a proteção do radiador de óleo e limpe a colméia com ar comprimido de dentro para fora, limpe o escapamento e pneu de qualquer resíduo de óleo que possa ter caído e ligue o motor para verificar a luz da pressão de óleo, ela se apaga após o motor estabilizar em 1000 rpm. Verifique que não há vazamentos no filtro e tubulação e monte novamente a proteção do radiador do óleo e a carenagem inferior. Com o motor quente verifique o nível do óleo novamente para uma checagem final. A fábrica recomenda o óleo Harley-Davidson Multi grade 20W50 em temperaturas acima de 4ºC. Outros tipos de óleo recomendados (não Harley-Davidson) são tipo CF, CF-4, CG-4, CH-4. São lubrificantes para motores diesel que a fábrica recomenda se não houver o lubrificante original disponível. Deve ser substituído pelo recomendado assim que possível.
Boa sorte.

FZ Zero com 150Km
Oi oi, Retirei a poucos dias, da concessionária MOTOCRED em Salvador, uma FZ6 S 2008/2009 “0km”, mas esta foi-me entregue com 150km a título de testes no tripé. É mal? Em relação ao câmbio desta moto, percebi que as marchas sobem macio por volta das 2mil rpm, acima destas (ex. 4mil rpm) há um tranco/estalo. Nos foruns que pesquisei encontrei as mais diversas orientações, mas sempre em rotações bem maiores (5mil rpm, 7mil rpm, 10mil rpm). Tem alguma dica/orientação? Venham pro maior Carnaval do Mundo. Abraços, Adilson 31, Salvador, BA
R: Adilson, acho que sua moto foi um pouco mais rodada do que o usual para testar, isso dá mais de meio tanque de uso. Não é normal, não. A questão do câmbio ele deve amaciar com o uso, e a cada troca de óleo ele vai melhorar. Com a moto nova ele fica um pouco duro mesmo, precisa caprichar mais do que o normal na mudança. Abraços.