A pista que vai receber a final da Copa Minas Gerais de Motocross 2015 - foto: Fred Mancini

Itabirito sedia a final da Copa MG de Motocross

A pista que vai receber as grandes feras do motocross nacional e internacional para a final da Copa Minas Gerais de Motocross terá novidades para pilotos e público. O circuito construído ano passado na Rua Principal, s/nº, no Córrego do Bação em Itabirito foi todo reformado para as doze corridas profissionais e amadoras que vão acontecer nos dias 12 e 13 de dezembro, a partir das 8h.

A pista que vai receber a final da Copa Minas Gerais de Motocross 2015 - foto: Fred Mancini

A pista que vai receber a final da Copa Minas Gerais de Motocross 2015 – foto: Fred Mancini

Dessa vez, os 1.450 metros de pista vão contar com 11 obstáculos. Entre eles step down, step up, salto seco, salto catapulta, seção de waves, seção de costelas mansas, salto triplo e algumas mesas. De acordo com um dos organizadores do campeonato, Cássio Marques, foi necessário muito trabalho para deixar tudo perfeito para a etapa de encerramento da competição.

Para quem for conferir o GP Itabirito serão oferecidos 100 metros de arquibancada, sendo 80 metros coberta e 20 metros descoberta. Quem não puder comparecer à cidade também poderá acompanhar a briga pelo título a partir das 12h através da internet.

▬   ▬   ♦   ▬   ▬

COPA MG DE MOTOCROSS PROMOVE AÇÃO SOCIAL EM ITABIRITO

GP Itabirito vai sortear uma motocicleta zero km

GP Itabirito vai sortear uma motocicleta zero km – divulgação

A Copa Minas Gerais de Motocross está em clima de Natal. Para alegrar o final de ano dos mineiros, o campeonato realizará o sorteio de uma moto zero km. Para participar basta levar 1 Kg de alimento não perecível para as corridas dos dias 12 e 13 de dezembro na Rua Principal, s/nº, Córrego do Bação, Itabirito, e trocar por um cupom.

A ideia é arrecadar o máximo de alimentos possível para distribuir entre as famílias carentes do município. Em três anos de existência, a competição já ajudou várias cidades da Região Metropolitana de Belo Horizonte, como Sarzedo, Ibirité, Betim, Itabirito, Santa Luzia e São Gonçalo do Rio Abaixo. De acordo com a organização, a cada etapa são arrecadados cerca de 3 mil kg de alimentos não perecíveis.

Separador_motos