Nova XT 660Z tem qualidades para liderar a categoria

Já chegou a nova Yamaha XT 660Z Ténéré

Ela é uma das motocicletas mais cobiçadas do mercado nacional e sua nova versão estará no Salão Duas Rodas, que começa na próxima semana em São Paulo. A Yamaha 660Z Ténéré, que conserva a mecânica robusta e consagrada da XT 660R, mas traz um visual parecido com sua irmã menor de 250 cc e muitas outras mudanças.
Nova XT 660Z tem qualidades para liderar a categoria

Nova XT 660Z tem qualidades para liderar a categoria

 

Nova ciclística acrescenta mais estabilidade em alta velocidade

Nova ciclística acrescenta mais estabilidade em alta velocidade

A Yamaha confirma a vocação da família e torna a XT 660Z um aventureira nata, daquelas motos que podem ir muito além do asfalto. Apesar de ainda não a termos experimentado, a nova Yamaha que já aportou em terras brasileiras parece ser muito versátil, robusta e confortável. A mecânica mantém o motor monocilíndrico, 4 tempos, 4 válvulas, de arrefecimento líquido, OHC, que desenvolve 48 cv de potência com quase 6 kgf.m de torque, alimentado por injeção eletrônica de combustível, cujo tanque leva 23 litros.

A ciclística mudou bastante, deixando a moto mais estável nas velocidades mais altas e em terrenos acidentados. Porém, esta característica implica em perda de agilidade por conta do peso maior e da própria ciclística. As suspensões seguem o padrão da categoria, com braço oscilante em alumínio na traseira e garfo telescópico na dianteira. Os freios são de duplo disco na dianteira e disco simples na traseira. O assento é mais confortável e tem dois níveis, com a “encaixe” do piloto que oferece mais conforto, combinado com a carenagem dianteira como as motos de rali. O pára-brisa auxilia muito a reduzir o esforço nas viagens mais longas.

Obs.: Para facilitar a discussão sobre esse assunto, criamos um tópico no fórum para os motonliners. Clique aqui para acessar o tópico