rally-dos-sertoes-2018-jean-azevedo

Jean Azevedo está fora do Rally dos Sertões 2018

Não foi desta vez que Jean Azevedo, sete vezes campeão do Rally dos Sertões, conquistou o título que lhe daria o posto de maior vencedor da principal prova off-road do País. O piloto da equipe Honda Racing precisou abandonar a prova em sua quarta etapa, disputada hoje e que percorreu 478 km (sendo 355 km de trechos cronometrados) na Bahia, entre os municípios de Luis Eduardo Magalhães e Barra.

Jean Azevedo era vice-líder, concluiu mais de 300 km da quarta etapa, mas teve problemas e, sem mecânico, teve de abandonar a prova - Foto: Magnus Torquato/Mundo Press

Jean Azevedo era vice-líder, concluiu mais de 300 km da quarta etapa, mas teve problemas e, sem mecânico, teve de abandonar a prova – Foto: Magnus Torquato/Mundo Press

Jean era o vice-líder do Sertões e fazia a prova em alto nível, mas teve problemas e parou. Como esta etapa foi disputada no formato maratona (no qual os pilotos correm sem auxilio de mecânicos externos), ele precisou abandonar a disputa. Correndo pelo Rally dos Sertões há mais de 20 anos, o piloto faturou o título em 1995, 2000, 2002, 2004, 2005, 2015 e 2017.

Tunico Maciel é líder no Rally dos Sertões

Se por um lado a equipe lamenta a baixa de Jean Azevedo, por outro celebra mais um bom resultado de Tunico Maciel. Depois de vencer os dois primeiros dias da competição, o mineiro abre 33min24seg de vantagem sobre o segundo colocado na tabela, o catarinense Ricardo Martins, liderando tanto a classificação geral quanto na categoria Production Aberta. Tunico corre embalado por títulos nacionais conquistados recentemente, como o Rally RN 1500 e o bicampeonato do Rally Cerapió.

Depois de vencer três das quatro primeiras etapas do Rally dos Sertões 2018, Tunico Maciel lidera competição - Foto: Marcelo Machado de Melo/Mundo Press

Depois de vencer três das quatro primeiras etapas do Rally dos Sertões 2018, Tunico Maciel lidera competição – Foto: Marcelo Machado de Melo/Mundo Press

“Meu equipamento está perfeito. Acho que fiz o dever de casa e estou focado e concentrado para que tudo dê certo na próxima etapa”, afirmou Tunico após vencer mais uma etapa com sua Honda CRF 450RX. A prova teve trechos de média e alta velocidade, cruzando regiões agrícolas e também outras arenosas ao longo de mais de 400 km. Gregorio Caselani, campeão do Rally dos Sertões em 2016 e colega de Tunico na Honda Racing, fez o segundo tempo mais rápido nesta etapa, com menos de dois minutos de diferença para o líder.

Campeão do Sertões em 2016, Gregorio Caselani obteve o segundo lugar na quarta etapa da edição 2018 - Foto: Vinícius Branca/Fotop/Mundo Press

Campeão do Sertões em 2016, Gregorio Caselani obteve o segundo lugar na quarta etapa da edição 2018 – Foto: Vinícius Branca/Fotop/Mundo Press

Quinta etapa do Sertões

O próximo round do Sertões será mais uma etapa maratona, sem ajuda de mecânicos. Os competidores seguem em direção a São Raimundo Nonato (PI), completando 446 km de trecho, sendo 401 km de especiais. O Rally dos Sertões, que ainda inclui quadriciclos, UTVs e carros, possui, no total, sete dias de disputas, com 3.601 km de percurso (2.059 de especiais). Os campeões serão conhecidos no dia 25 de agosto, em Fortaleza (CE).

Ricardo Martins é o segundo na classificação geral das motos (foto de Vinicius Branca)

Ricardo Martins é o segundo na classificação geral das motos (foto de Vinicius Branca)

Classificação acumulada após quatro etapas

1 – Tunico Maciel (Honda CRF 450RX)
2 – Ricardo Martins (Yamaha WR 450)
3 – Gregorio Caselani (Honda CRF 450RX)
4 – Túlio Malta (Kawasaki KLX 450R)
5 – Elias Folly (KTM EXC-F)

 

separador_rally-honda



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.