Jogo entre São Paulo e Cruzeiro será palco de campanha de prevenção de acidentes no trânsito

Ação promovida pela Fundação MAPFRE, em virtude da Semana Nacional de Trânsito, leva uma mensagem de reflexão e cidadania através de uma “torcida organizada para o bem da segurança viária”. A torcida distribuirá folhetos de conscientização e apresentação durante o intervalo da partida. Objetivo é conscientizar os torcedores e telespectadores sobre a importância da prevenção de acidentes no trânsito, principalmente com motociclistas.

Os torcedores e telespectadores da partida entre os clubes São Paulo e Cruzeiro, que será realizada no próximo dia 28, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro de Futebol, além de ver as duas equipes lutando para alcançar o topo da tabela, serão presenteados com mais uma campanha de prevenção de acidentes da Fundação MAPFRE, entidade sem fins lucrativos que tem por objetivo a formação do cidadão por meio da educação e cultura.

A ação faz parte de um conjunto de iniciativas da Instituição para a Semana Nacional do Trânsito, que ocorre até o dia 28 deste mês. Com o intuito de conscientizar torcedores e espectadores, a Fundação levará ao Estádio Cícero Pompeu de Toledo uma “torcida organizada para o bem da segurança viária” (com cerca de 150 pessoas), que distribuirá panfletos de conscientização nas filas de entrada para o Morumbi e ainda fará uma apresentação especial durante o intervalo da partida, exibindo mensagens de cidadania através de uma enorme bandeira com mãos gigantes em seu centro.

O objetivo da campanha de 2008 é a conscientização na prevenção de acidentes, principalmente os que envolvem motociclistas, passando uma mensagem de cidadania e respeito nas relações entre eles, os motoristas e os pedestres. “O número de mortes de motociclistas em São Paulo aumentou 66% nos últimos cinco anos e estamos dispostos a colaborar para reverter esse quadro”, diz Antônio Cássio dos Santos, presidente da Fundação MAPFRE no Brasil.

Segundo o executivo, a campanha deste ano incluirá, além da ação no Estádio do Morumbi, visitas em cartórios da capital e nas empresas de mensageiros (motoboys) para a disseminação do vídeo “Condução Segura para Motociclistas”, além de um concurso cultural que vai envolver todos os públicos. “Esperamos mostrar que com abordagens simples é possível conscientizar a todos de seus direitos e responsabilidades, transmitindo valores como ajuda mútua, integração e respeito, contribuindo, dessa forma, para a construção de uma sociedade muito mais segura com relação ao trânsito”, finaliza Santos.

As ações realizadas na Semana do Trânsito pela Fundação MAPFRE são apenas algumas dentre muitas outras já concretizadas pela instituição, que desde 2002 vem desenvolvendo diferentes atividades que visam transmitir os cuidados que se deve tomar com relação ao trânsito. Uma dessas iniciativas é o Programa de Segurança Viária, por meio da qual a instituição oferece aos motoristas de diversas cidades do País um check-up gratuito em mais de 50 itens dos veículos para identificar possíveis irregularidades.

Outra campanha envolve a mistura álcool e direção. Durante sete dias no ano, a Fundação promove a Semana de Segurança Viária e realiza ações em pontos de grande concentração de veículos, como distribuição de folhetos e exibição de faixas em cruzamentos e, à noite, promotoras abordam jovens em bares, restaurantes e casas noturnas. Para reforçar o impacto da atividade, toda cidade visitada pelos promotores exibe um cenário móvel, contendo um resgate simulado, mostrando um automóvel severamente danificado.

Além disso, a instituição promove o Educação Viária é Vital, um projeto elaborado pela entidade que visa transmitir aos estudantes as normas de educação viária e a importância de medidas que podem reduzir os acidentes. Voltado às crianças, a campanha já levou a mais de cinco milhões de jovens, das escolas das redes estadual e municipal dos Estados de São Paulo e do Maranhão, conceitos de educação no trânsito, fazendo com que fossem implantadas ações que proporcionassem melhorias nas vias de circulação, tornando-as mais seguras.