ktm_preview_medium_169

KTM regressa ao MotoGP na classe de Moto3

A KTM, líder de mercado em motos de desporto e companhia que junta o seu ADN à sua filosofia “Pronto a Correr”, vai regressar ao MotoGP em 2012 para competir na categoria de Moto3.

Estão já a ser levados a cabo extensos e intensos preparativos por parte da KTM, que tem o seu engenheiro Wolfgang Felber e respectiva equipa a desenvolver uma máquina de Moto3 totalmente feita dentro de portas. A KTM assegurou também uma parceria exclusiva com a Kalex Engineering e em conjunto as duas empresas vão combinar as suas competências e paixão para desenvolverem dois conceitos diferentes, mas paralelos, ambos a centrarem-se numa entrada de sucesso na nova categoria.

Enqanto o desenvolvimento da moto está dentro dos prazos previstos pelo Departamento de Desportos Motorizados da KTM, em Mattighofen (Austria), a KTM e Kalex Engineering garantiram, ao mesmo tempo, uma parceria exclusiva para fornecer engenheiros à empresa do Sul da Alemanha. A Kalex, que nos últimos quatro anos tem sido sinónimo de elevada qualidade de desenvolvimento e produção de peças especiais para o desporto motorizado, tem desempenhado papel activo na Moto2 desde 2010. O piloto da Kalex Stefan Bradl está actualmente na frente da classificação com algum destaque e a sede da Kalex fica apenas a duas horas da KTM, na Áustria.

O aspecto que ainda não está determinado neste regresso da KTM à velocidade internacional é o que diz respeito às equipas e pilotos que vão rodar com a 250cc monocilíndrica a 4 tempos da KTM e da Kalex-KTM.

Pit Beirer, responsável de Desportos Motorizados da KTM:
Estamos confiantes quanto à nossa entrada na Moto3. Os nossos planos estão dentro do prazo para uma moto de corridas totalmente desenvolvida em Mattighofen, enquanto ao mesmo tempo também encontrámos o melhor parceiro possível, que vai apresentar o nosso motor a um nível muito elevado. A Kalex Engineering está bem posicionada para isto em todos os aspectos e, tal como a KTM, está muito motivada para desenvolver uma moto capaz de vencer a nova categoria de Moto3.”

Alex Baumgärtel, Director da Kalex Engineering: :
“A exclusiva parceria com a KTM como fornecedora de motores é um grande passo em frente para nós. Como já temos uma boa ideia da construção do novo motor KTM Moto3 estamos certos que vamos ter a melhor base para as nossas próprias motos de corrida. Com esta combinação podemos continuar a aumentar o sucesso que tivemos na Moto2. Estamos muito desejosos pelo desenvolvimento e pela época de 2012.

Obs.: Para facilitar a discussão sobre esse assunto, criamos um tópico no fórum para os motonliners. Clique aqui para acessar o tópico.