Foto: Busa cockpit - Bitenca

Lançamentos, Alcool, Bateria descarrega, Problemas de relação

Foto: Busa cockpit - Bitenca

Foto: Busa cockpit - Bitenca

Belissima maquina que dizem sera lançada no brasil em março de 2009….até agora nada pude ver,só historias!!!! vcs podiam me enviar endereços de lojas que vendam peças para scoort Peugot? Carlos, 63, Rio de Janeiro, RJ
R: Carlos, não temos nenhuma notícia desse lançamento. Sabemos que foram importadas poucas speedfigher 50cc, e há alguns sites em que vendedores autônomos oferecem peças e serviços na internet. Pesquise um pouco também em nosso forum, quem sabe algum motonliner tem o que você precisa.
Abraços.

Salve amigos do motonline. Parabéns pelo site, que ja acompanho desde as épocas “titeanas”, e cada dia fica mais completo e interessante. Também sou frequentador do fórum, e surgiu uma questão bem frequente, mas que acho que merece um esclarecimento de alguem com maior credibilidade. O assunto é sobre a utilização de alcool em uma motocicleta modelo YBR 125, até onde eu sei, o alcool que vem misturado na gasolina é anidro e o da bomba é hidratado, ou seja, se utilizar alcool puro, ocorrera corrosão das peças em contato com ele. Estou correto? Paulo, 20, Tijucas, SC.
Corretíssimo Paulo.
O álcool é bem mais corrosivo que a gasolina, se bem que hoje em dia com tantas “batizadas” anda meio complicado também escolher uma boa gasolina. Mas sua afirmação está correta, a adição de álcool na gasolina além da proporção especificada já faz aumentar a corrosão, mais ainda com o álcool puro em um motor não preparado para tal. Abraços.

Foto: CG Turbo - Bitenca

Foto: CG Turbo - Bitenca

Gostaria de saber se é possível adaptar uma partida a pedal em uma Bros 150cc ES e quanto é mais ou menos o custo deste serviço? Eu comprei esta moto em 2007 zero km, mas a uso apenas uma vez no mês, com isso a bateria dela vive arriando, já troquei duas vezes e acho que é melhor adaptá-a a pedal pois não quero trocá-la.
Ramon, 18, Caicó,
R: Ramon, essa sua proposta não resolve o problema da bateria, apenas o da partida da sua moto. Existem carregadores de bateria especiais, feitos para manter a carga sem sobrecarregar o sistema. Procure um no mercado e para ligá-lo faça uma extensão da bateria até um conector polarizado, que seja impossível ligar invertido e que possa ser conectado a nesse carregador facilmente sem desmontar nada da moto, quando estiver fora de uso esse conector deve ficar escondido sob a lateral da moto. Você pode também usar um carregador normal com uma lâmpada 12 volts ligada em série, dessa forma: ligue o positivo que vem do carregador no pólo positivo da lâmpada e o negativo desta ligue no positivo da bateria, o negativo do carregador ligue direto no negativo da bateria. Seu problema estará resolvido pois a corrente de carga será regulada pela lâmpada e nunca será sobrecarregada a bateria. Pode deixar o carregador ligado uns dois dias por semana para que a bateria seja mantida na sua carga normal. Assim não será necessário mexer na partida da sua moto e resolvemos o problema na sua causa e não no seu efeito. Abraços.

Prezado, tenho uma Suzuki intruder 125 ano 2005 e gostaria que ela tivesse um pouco mais de força.Como fazer isso ? Mudando a coroa ou o pião ? Qual seria a medida ideal para um ganho de força e uma perda pequena de velocidade ? Minha moto é pouco rodada e está em excelênte estado,por isto não pretendo troca-la por um modelo mais novo. Cláudio, 53, Duque de Caxias, RJ.
R: Cláudio, o mínimo que alterar na velocidade vai ser o mesmo valor aumentado no torque da moto. O aumento de força vai ser exatamente igual à diminuição de velocidade. A potência disponível é a mesma então você vai colocar o câmbio em uma relação final um pouco mais curta e isso vai fazer com que a velocidade final diminua e o torque aumente na mesma proporção. Aconselho a usar um pinhão com um dente apenas a menos, o que vai ser mais fácil alterar sem ter que mexer na corrente e coroa da moto. Não acredito que compense, faça isso apenas se for usar em estradas de terra muito íngremes e acidentadas e se sua velocidade final e de cruzeiro puder ser menor. Piora também a economia de combustível, porque o motor vira mais rápido para manter uma mesma velocidade de antes de trocar o pinhão. Boa sorte.