cbm_supermoto_0106

Lawanteam vai com novidades para a abertura do Brasileiro de Supermoto

Considerada uma das principais equipes do motociclismo esportivo no Brasil, a paulista Lawanteam vem acumulando títulos e mais títulos de Supermoto nos últimos anos. Formada por pilotos experientes em quase todas as categorias, entre eles o atual tetracampeão brasileiro Rafael Fonseca, a Lawanteam é presença garantida na etapa de abertura da temporada 2011 do Campeonato Brasileiro de Supermoto, que acontece neste fim de semana, dias 25 e 26 de junho, no Autódromo de Goiânia, na capital de Goiás. Além de Fonseca, na SM1, também representarão o time os pilotos Juliano Meira (SM1), Simão Lawant (SM4), Carlos Medeiros (SM4) e a estreante no time, a jovem goiana Christiane Bailão (SM3). Outra novidade será a utilização, durante o Brasileiro, dos mesmos pneus que vêm sendo usados por Rafael Fonseca no Mundial de Supermoto deste ano.

– A Lawanteam vem muito preparada para esta etapa de abertura do Brasileiro. Durante estes últimos meses viemos nos preparando bastante para o Mundial, o Brasileiro, e os Campeonatos Goiano e Paulista. Estamos muito confiantes em bons resultados e grandes disputas. Além da presença da Christiane, representando as mulheres no Supermoto, acredito que os novos pneus utilizados no Mundial, aliados ao clima de Goiânia, ajudarão num bom desempenho – declarou Simão Lawant, chefe da equipe.

Simão falou também sobre a expectativa em relação à pista preparada para a prova de abertura do Brasileiro. De acordo com Roberto Boettcher, diretor de Supermoto da Confederação Brasileira de Motociclismo e presidente da Federação de Motociclismo do Estado de Goiás, a pista terá 1.900m de extensão, com dois trechos de terra. O primeiro terá 100m de comprimento, enquanto o segundo terá 400m e curvas com escoras, costelas, mesa e curvas de alta.

– Esperamos uma bela prova, muito disputada. As pistas assinadas pelo Boettcher são sinônimo de técnica e adrenalina – ressaltou Simão, aproveitando para registrar a atual fase da modalidade. – Acho que este será o ano mais importante para o Supermoto no Brasil. Temos um representante no Campeonato Mundial e isso demonstra a qualidade técnica dos pilotos brasileiros. Estamos torcendo para que esta primeira etapa coloque o Supermoto em evidência novamente no cenário nacional, e que possamos ter novamente uma equipe brasileira no Supermoto das Nações – completou.

A 1ª etapa do Campeonato Brasileiro de Supermoto, válida também pela 3ª etapa dos Campeonatos Goianos de Supermoto e Motovelocidade, é uma realização da Federação de Motociclismo do Estado de Goiás (FMG), com supervisão da própria FMG e da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM).