Foto: Livro do Tite

Livro, Dona Dica, importada, tanque, DPVAT etc

Foto: Livro do Tite

Foto: Livro do Tite

Tite, eu estava lendo o seu livro e adorei a parte que vocˆ cita a adrenalina no corredor de carros em grandes cidades. Com uma certa experiencia sempre me atentei aos olhos dos motoristas do carros, mas gostaria de adicionar uma rela‡Æo do grau de risco de acordo com o perfil do motorista,de um a quatro onde 1 ‚ o menos perigoso e 4 o perigo ‚ eminente, da uma olhada : 1)motorista engravatado – o cara ta acostumado com engarrafamentos e sabe conviver com os motociclistas; 2)motoristas do sexo feminino – tem o pessimo  bito de trocar de faixa sem olhar no retrovisor; 3) motoristas grisalhos – eles ate olham para o retrovisor, mas dificilmente veˆm os motociclistas; 4)Motoristas do sexo feminino e cabelos “dourados” – nem preciso dizer por que n‚, sem preconceito apenas estatisticas diarias de acordo com minhas experiencias.
Fabio – sÆo paulo
Hum, se eu fosse vocˆ deixava as loiras de fora dessa estat¡stica senÆo a dona TitÆ vai criar confusÆo!

Dona Dica
E ai tite sou eu de novo, agora eu ‚ que vou responder a sua pergunta. A comida da dona Dica ‚ realmente uma del¡cia, mas infelizmente no ano passado ela veio a falecer, mas os filhos dela estÆo dando continuidade ao trabalho que ela come‡ou, afinal ela construiu e fez hist¢ria naquele restaurante, grandes festas, grande celebridades e hist¢ria esta que ‚ imposs¡vel de ser apagada ou esquecida, macacos vai ser sempre macacos e pode acreditar a dona Dica sempre vai estar l  seja no restaurante seja na mem¢ria. Que Deus a Tenha. Bem ‚ isso tite o que aconteceu, mas tem muitos outros restaurantes novos por l  e por sinal muito bons tbm, se vc conhece a dona Dica, j  deve ter ido no restaurante Fazenda do Engenho, cara l  tem um Galinhada, maravilhoso se tiver oportunidade nÆo perca esta chance.
Gilvane – Macacos – MG
Fiz muita trilha nessa regiÆo e conheci a dona Dica, por sinal fiz mat‚ria sobre o restaurante dela. Espero que os filhos continuem a tradi‡Æo.

Foto: Dona Dica, saudades

Foto: Dona Dica, saudades

Importada
Bom descobri aqui no japÆo que posso importar uma moto para o brasil desde que seja zero! Eu estava pensando em levar uma Hornet 250. eu ja vi no FAQ aqui no site que vou ter q pagar uma montanha de impostos e tals mas mesmo assim quero tentar. o fato ‚ que se ela der problemas. as pecas das hondas fabricadas ai sera compativel? aqui uma Hornet 250 zerada sai por 560 mil ienes convertendo para real sai por 10,127. e parabens pelo site muitos brasileiros residentes aqui no japÆo procuram se orientar pelo seu site!
Maikon – nagoya – japÆo
S¢ que se pagar TODAS as taxas o valor final ser  equivalente a 3 vezes o valor de origem, e sua 250 custar  a mesma coisa que uma Hornet 600 no Brasil! Por isso nÆo compensa! S¢ quem trabalha em representa‡äes diplom ticas sÆo livres desses impostos.

Tanque
Tenho uma Intruder 125 2005. Que apesar de dizerem que seu tanque cabe 10 litros e poucos, a filha da mÆe nunca usa mais de 8 litros. A ego¡sta sempre fica com uns dois litros e nÆo h  nada neste mundo que fa‡a o miser vel do carburador a v cuo pux -lo. ser  que isso ‚ vingan‡a das 125 com um motociclista quebrado? Bom, ‚ isso, depois que vi que era o “senhor” neste site, lembrei do Atari, Kichute, da Playboy da Monique, da minha bicicleta Monareta verde que fingia que era BMX. Ou seja, tive que desabafar.
Valnei – Vit¢ria ES
Pode ser um problema na torneira de gasolina, retire e verifique se nÆo est  suja ou entupida.

DPVAT
Tite e todos que tamb‚m freqentam e apreciam o motonline.com.br. Engrosso o coro dos descontentes a respeito do reajuste do DPVAT. J  que, provavelmente, a justificativa para o reajuste do valor do seguro obrigat¢rio ser  o aumento dos acidentes envolvendo motocicletas, acho que poderia ser pensada uma esp‚cie de c lculo para esse valor, com base no n£mero de infra‡äes registradas para o ve¡culo. Eu pretendo encher a paciˆncia e as caixas de e-mail dos deputados federais baianos para que tomem uma providˆncia.
William – Feira de Santana – BA
Por favor, aperreie esses cabras!

Botas
Tite. Desejo-lhe muito sol e pista seca para “deitar o cabelo” em 2007! Isto me remete … excelente mat‚ria sobre pilotagem na chuva (ali s, a foto das duas BMW est  de arrasar!). Entretanto, especificamente com rela‡Æo … prote‡Æo dos p‚s, tenho percebido maior foco ao uso de “galochas” e/ou “botas imperme veis” em detrimento aos equipamentos que oferecem maior prote‡Æo, tais como as botas de couro com biqueiras em a‡o (refiro-me aos equipamentos do pessoal das speeds/superbikers). Qual a razÆo disso? Permanecer seco ‚ mais importante do que devidamente protegido? Me parece que a possibilidade de quedas no molhado ‚ maior. Neste caso, nÆo seria melhor estar mais protegido, embora com os p‚s “molhados”?
Fernando – SÆo Paulo, SP
Vc est  atrasado, nÆo existe mais botas com biqueiras de a‡o, agora sÆo de kevlar! Sim, sÆo mais seguras, claro, mas quem pode gastar R$ 800 num par de botas? Principalmente se o cara tem um capacete de R$ 150! A recomenda‡Æo de uso de galochas ‚ para uso em motos pequenas, urbanas, al‚m disso existem galochas que podem ser usadas sobre as botas.

MT03
Tite, Fiquei surpreso com a vinda da MT-01 ao nosso mercado lisarbiano, mas dai ficou uma duvida dentro do meu “Soumy”. PORQUE TROUXERAM A MT-01 E ESQUECERAM DA MT-03? Por ser uma monocilindrica mesmo sendo hi-tech acho que ela seria mais em conta do que a Fazer 600 que por sua vez tem um poderoso 4 cilindros. Tudo bem , eu sei que ela e 660cc mas como ja disse tem apenas um cilindro, desenvolve apenas 45cv e tem pneus traseiros 160/60 (os da Fazer 600 sao 180/55). Por favor me diga que isso e apenas uma “pegadinha” e que a Yamaha ira sim trazer a MT-03 para o lisarb!
Leandro – Recife, PE
Certamente a Yamaha nÆo quis abrir concorrˆncia com a XT 660 que j  vende muito pouco. A MT 03 usa o mesmo motor e na mesma faixa de pre‡o.

Mercado
Fala Tio. Andando pelos f¢runs do motonline percebo uma torcida muito grande pelo lan‡amento de uma moto m‚dia entre a tw e a hornet. Dando uma olhada no cat logo da honda Fran‡a nÆo h  um £nico modelo nesta faixa de cilindrada (s¢ scooters). Ali s, aqui nem a Tw ‚ oferecida. Das 125cc pula-se para as 600cc CBF/Hornet. NÆo tem Falcon nem nada semelhante! O lance ‚ que uma hornet nova aqui est  6.000 euros e tem intregador de Pizza com elas. A minha d£vida ‚ se a ind£stria brasileira vai investir numa faixa de cilindrada que est  sumindo aqui na Europa. e se a Honda lan‡ar algo ser  para o mercado local.  Falcon 2007 com “novas cores e grafismos”
Flavio – SÆo Paulo-SP
Flavio NÆo se iluda com o mercado brasileiro. NÆo veja as motos da Fran‡a, porque o Brasil nÆo est  na Europa. Nossa realidade est  mais para China, Öndia ou PaquistÆo, veja os sites destes pa¡ses para saber como serÆo nossas motos no futuro! Vamos engolir a Falcon por muitos anos!