Foto: Livro O Mundo  Uma Roda tamb‚m na livraria Laselva

Livro e filme, editorial, testes, balanceamento etc

Foto: Livro O Mundo  Uma Roda tamb‚m na livraria Laselva

Foto: Livro O Mundo  Uma Roda tamb‚m na livraria Laselva

Tite, Acabei de chegar de uma deliciosa viagem liter ria proporcionada pela leitura de seu livro. Espero que vc continue nos brindando com novas hist¢rias e causos interessantes e engra‡ados, para tornar nossa vida de motociclista mais agrad vel e l£dica. NÆo se preocupe com a estrutura liter ria (Machado de Assis certamente nÆo andava de moto), apenas deixe aflorar a sensibilidade de um ser humano que pilota a vida com um raro senso de humor e originalidade. Para finalizar, depois de tantas risadas, algumas contidas devido ao hor rio tardio, vc encerra o livro com o cap¡tulo “Uma hist¢ria de natal”, que surpreendentemente nos leva …s lagrimas e a reflexÆo de nossas efˆmeras existencias.
Antonio Carlos
Gostaria de externar a minha satisfa‡Æo com as aquisi‡äes do DVD – Alma Selvagem e do Livro – O Mundo  Uma Roda. Parab‚ns aos idealizadores e criadores, pelo excelente material produzido. Obrigado ao Doc. Tite pelo aut¢grafos e seriedade na comercializa‡Æo e envio. Recebi o material antes do esperado. Al‚m do j  relatado, sugiro a todos que nÆo mostrem o livro ou o DVD a algum parente que goste de motos. Cometi esta falha e meu irmÆo confiscou o meu livro e j  assistiu ao DVD duas vezes antes que eu pudesse ter esta oportunidade.
Hermes – Mossor¢ – RN

R: Mias uma vez agrade‡o os elogios e aproveito para informar que o livro O Mundo  Uma Roda j  pode ser adquirido tamb‚m em 39 endere‡os da Livraria Laselva. Para saber a mais pr¢xima de sua casa basta acessar www.laselva.com.br

Editorial
Tite, Concordo plenamente com o que voce falou na mat‚ria 3 minutos para viver, at‚ porque as grandes cidades de lisarB sÆo um reflexo do pa¡s, desorganizado e sem respeito m£tuo. Estamos convivendo com uma obra na Marginal Pinheiros em SP que vem de v rios meses, buscando aumentar a largura da via na pista expressa. ser  que finalmente teremos uma pista exclusiva para motos ou mais uma pista para carros, com o estreitamento dos corredores e consequentemente mais acidentes entre carros e motos? Enquanto as vias ficarem cada vez mais estreitas, nÆo houver vias exclusivas para motos, e os motoboys ganharem por entrega, ficaremos discutindo quÆo melhor o mundo era (e nunca foi tÆo bom assim), e vendo tudo ruir a nossa volta. E Viva lisarB!
Mauricio – Carapicuiba, SP
Tite, tenho costume de ler suas mat‚rias e suas (que fa‡o minhas) reclama‡äes a respeito de muitas irregularidades e avessas que fazem parte de nossa p tria for‡adamente amada. O que nÆo entendo ‚ porque nÆo h  DIVULGA€ÇO destas informa‡äes que s¢ poderia vir de vocˆ e de sua equipe. Acaso, j  pensou em publicar para a Folha? Talvez alcan‡asse uma parcela maior de torcedores, e quem sabe, aqueles que realmente podem agir diretamente na questÆo. Sei que pode ser utopia, mas as tentativas sÆo sempre bem-vindas! Vocˆ j  pensou num abaixo-assinado, sei l  ou algo parecido?
Franco – Vit¢ria-ES
Parab‚ns pelo Editorial, trˆs minutos para viver, ‚ simplesmente genial!
Richard – Gama, DF

R: Maur¡cio, o pior ‚ que espremeram os carros em mais uma faixa e nada da faixa exclusiva de motos nas marginais. Franco, agrade‡o a franqueza, mas nem a Folha nem nenhum outro jornal publicaria meus textos. Eles sofrem de rabopresismo com certos setores da ind£stria. Al‚m disso eles nÆo aceitariam pagar pelos textos!

Testes
Fala grande mestre das duas rodas, queria somente agradecer ao seu autografo no meu desenho da CBX 750F do DOC TITE, e tambem sua aten‡Æo no salÆo duas rodas. Adorei o filme, ate hj fico dando seta sempre que vo mudar de faixa, ta virando um v¡cio. Quando sai os pr¢ximos testes no site? to ansioso pelo que vocˆ est  preparando. Parab‚ns pelo site e pra todos que contribuem com ele, at‚ mesmo os leitores malas, como eu.
Rodrigo – SÆo Paulo – SP

R: O prazer foi meu em assinar o desenho de uma 750 “by Tite”. Quanto aos testes, estamos ainda esperando uma verbinha para custear a produ‡Æo.

Balanceamento
 tite, realmente o site fica cada dia mais interessante e com mat‚rias muito boas! Parab‚ns pelo excelente e paciente trabalho! Falando em paciˆncia, manda esse povo estudar cin‚siologia para aprender direitinho sobre CG em vez que ficar se desgastando tentando explicar o ¢bvio.  o seguinte, eu preciso trocar os 2 pneus da minha moto, uma Twister, e quero saber ,1ø se devo fazer o balanceamento das rodas antes ou depos de injetar o selante? 2ø Caso seja melhor fazer o balanceamento depois de injetar o selante, com o tempo, o l¡quido nÆo pode se concentrar mais em uma  rea e afetar o equil¡brio de peso na roda, ou na hora do balanceamento criar um falso peso?
Diego – Maring  – PR

R: O balanceamento deve ser feito DEPOIS de injetar o selante e rodar bastante para distribuir pelo pneu.

Gravidade
Bom sobre este assunto do centro de gravidade eu tamb‚m fiquei em duvida no principio, mas pensei de uma forma que acho que ‚ a mais simples para entender. Bom quando a moto est  sem ningu‚m em cima o vamos considerar que o centro de gravidade dela seja bem no meio da moto no meio do motor (seria o ponto onde ‚ o equilibrio do peso da moto), agora vamos considerar s¢ o piloto de p‚ fora da moto e tamb‚m considerar que o centro de gravidade dele seja bem perto do umbigo (tamb‚m ‚ o ponto de equilibrio do peso) agora se considerarmos o conjunto moto+piloto sentado, a moto vai ter o seu centro de gravidade elevado, pois o peso do piloto estar  no banco acima do centro de gravidade da moto sem piloto e lembremos que o centro de gravidade s¢ do piloto sentado ser  abaixo do umbigo dele, mas o que importa ‚ a resultante do peso da moto+piloto, assim se pensarmos quando ele est  de p‚ o peso do piloto ser  aplicado nas pedaleiras abaixo do centro de gravidade da moto sozinha assim sendo abaixar  o centro de gravidade do conjunto moto+piloto, mesmo que o centro de massa s¢ do piloto tenha ficado mais alto, mas lembremos de novo que o centro de gravidade ‚ do conjunto moto+piloto.  facil entender ‚ s¢ lembrar que centro de gravidade ‚ o ponto de equilibrio do peso.
Gustavo – SÆo Carlos, SP
Meus caros, andei lendo e reparei uma coisa, estÆo confundindo centro de massa com a for‡a PESO. Quando o piloto levanta, a for‡a PESO dele vai agir nas pedaleiras e nÆo mais no banco. O peso da moto ser  sempre exercido nos pneus. Agora vamos l . o centro de gravidade estar  mais baixo quanto mais embaixo for exercida a for‡a, certo? Se considerarmos que o peso do piloto ‚ exercido no banco, teremos um centro de gravidade mais alto que se fosse aplicado nas pedaleiras. Centro de gravidade nÆo ser  igual ao centro de massa do conjunto. NÆo sou f¡sico, mas estudei algo assim na engenharia, espero ter ajudado. E, acabo concordando com o Tite.
Agnaldo – Cariacica, ES

R: Esse assunto est  ficando pior que a cruz da CG! Ih, ali s CG ‚ sigla de Centro de Gravidade! Ser  que esse assunto ‚ demon¡aco?