A motovelocidade perde Luiz Salom

Moto2™: Luis Salom morre nos treinos para o GP da Catalunya

Hoje foi um dia triste para o motociclismo mundial. Luis Salom (SAG Team) viu-se envolvido em um acidente na curva 12, durante os treinos livres para o Grande Prêmio da Catalunha, vindo a falecer em decorrência dos ferimentos causados pela forte queda sofrida. Salom corria na categoria Moto2™.

A motovelocidade perde Luiz Salom

A motovelocidade perde Luiz Salom

Faltando menos de 25 minutos para o fim dos treinos a sessão foi interrompida por bandeira vermelha quando duas ambulâncias do serviço médico prestaram os primeiros socorros ao piloto. Devido à gravidade de sua condição, o piloto foi transferido rapidamente para o Hospital Geral da Catalunya onde foi submetido a uma uma cirurgia de emergência, mas apesar dos esforços da equipe de trauma, Salom faleceu às 16h55, hora local.

Veja o vídeo do acidente:

 

Relembre Luis Salom

Salom fez sua estréia no Campeonato Mundial em Jerez, em 2009, na categoria 125cc. Subiu ao pódio em 25 corridas, incluindo nove vitórias no Campeonato do Mundo de Moto3 ™. Em 2012 terminou o Campeonato do Mundo de Moto3 na segunda posição na classificação e um ano depois foi terceiro na classificação geral, depois de enfrentar Maverick Viñales e Alex Rins até a rodada final em Valência.

Na Moto2™ o piloto espanhol terminou no pódio por três vezes em 41 corridas, incluindo um segundo lugar na corrida de abertura de 2016, no Circuito Internacional de Losail, no Qatar. Luis Salom será lembrado por sua pilotagem firme e decidida, por seus títulos obtidos em 2012 e 2013 e, principalmente, pela sua dedicação à família, equipes e amigos.

Nascido em Palma de Mallorca em 7 de Agosto de 1991, Luis Salom começou a correr ainda muito jovem e mostrou um rápido progresso nos campeonatos espanhóis, sempre mostrando a garra característica dos grandes pilotos, mesmo correndo contra as probabilidades. Em 2007 ele entrou para a Red Bull MotoGP Rookies Cup ™ e marcou um brilhante segundo lugar em sua corrida de estréia. A vitória veio na quarta corrida do ano em Assen. Permaneceu no campeonato de 2008, vencendo quatro das cinco primeiras corridas e lutando com o americano JD Beach para o título, perdendo por apenas quatro pontos.

Sua estreia no Campeonato Mundial veio em 2009, como um curinga no Grande Prêmio da Espanha, pilotando uma Honda 125cc e conquistando o 23º lugar. Seu melhor resultado naquele ano foi um sexto lugar no GP britânico. Nesta temporada, Salom ocupava a 10ª colocação na classificação geral do Mundial de Moto2™, tendo como seu melhor resultado na temporada o 2º lugar obtido no GP do Qatar. Triste dia! A motovelocidade perde uma das suas grandes promessas.

Separador_MotoGP



Mário Sérgio Figueredo

Motociclista apaixonado por motos há 42 anos, começou a escrever sobre motos como hobby em um blog para tentar transmitir à nova geração a experiência acumulada durante esses tantos anos. Sua primeira moto foi a primeira fabricada no Brasil, a Yamaha RD 50.