Maratona Universitária da eficiência conquista Faculdades, Professores e Alunos

Maratona Universitária da eficiência conquista Faculdades, Professores e Alunos

Maratona Universitária da eficiência conquista Faculdades, Professores e Alunos

Entre os dias 24 e 26 de julho, o kartódromo de Interlagos será palco da quinta edição da Maratona Universitária da Eficiência.

A disputa envolverá 29 carros de alta economia, representando 14 escolas de engenharia e design de São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

Com um novo recorde de participantes (15 protótipos a gasolina e 14 elétricos), a Maratona consolida-se como uma das principais provas estudantis do país e uma das maiores do gênero no mundo. Para os alunos, é a chance de aprender eficiência energética na prática.

Das Oficinas para as Empresas – Presente desde a primeira edição e campeão na categoria gasolina em 2007 (com 367 km/l), o Prof. Caio Sánchez, da Unicamp, destaca que a Maratona da Eficiência é uma ótima oportunidade para os alunos desenvolverem um projeto integral e quase sem ajuda.

Segundo o professor, a prova também colabora para uma maior empregabilidade. –Três integrantes da equipe do ano passado estão trabalhando na área da eficiência energética. Um atua com motores, outro em simulações e o terceiro com energia na indústria–, ressalta.

Da Teoria à Prática – Com o seu carro elétrico feito de bambu, a Universidade Federal de Santa Maria foi uma das grandes surpresas da última Maratona. Até conquistarem a vitória, os gaúchos enfrentaram grandes dificuldades, da falta de material até a viagem a São Paulo em dois carros lotados.

Agora, o Prof. Luiz Righi comemora a inscrição de quatro protótipos e os benefícios didáticos da prova. –Alguns alunos têm dificuldades nas aulas teóricas, mas gostam da prática. Nos carros eles podem aplicar muitos conceitos de física e cálculo e se aprimorar–, destaca.

Das Pistas para as Ruas – A principal meta da Maratona Universitária da Eficiência sempre foi colaborar na formação de profissionais melhores e mais conscientes. Mas, se depender do Prof. Leone Fragassi, da Faculdade de Design Mauá, a prova também marcará a pré-estréia de novos veículos.

— A partir dos convênios que criamos com alguns patrocinadores, poderemos, em breve, lançar o modelo Kalango no mercado. Nossa meta é transformar o primeiro protótipo que desenvolvemos para a Maratona, em 2004, num carro de passeio urbano elétrico–, antecipa.

Carros e Motores para os Campeões – Com patrocínio da Petrobras, Fiat, FPT – Powertrain Technologies, NSK Rolamentos e apoio técnico da Heliar e VZAN, a Maratona Universitária da Eficiência 2008 premiará as três universidades que alcançarem o menor consumo energético (em cada categoria) com veículos da Fiat Automóveis e motores da FPT, para uso didático .