Mariana Balbi ganhou a primeira bateria mas acidentou-se na segunda, quebrando duas costelas

Mariana Balbi vence 1ª bateria do Latino Americano de MX Feminino

A piloto Mariana Balbi representou muito bem o Brasil na categoria WMX (feminino) do Campeonato Latino Americano de Motocross, que foi realizado nesse fim de semana, 22 e 23, em Tangancicuaro, Michoacán, (Zamora), México.

 

Mariana Balbi ganhou a primeira bateria mas acidentou-se na segunda, quebrando duas costelas

Mariana Balbi ganhou a primeira bateria mas acidentou-se na segunda, quebrando duas costelas

Mariana Balbi que correu com a moto #5 venceu a primeira bateria e liderava a segunda quando teve problemas com a suspensão traseira da moto. Mariana foi arremessada ao chão e após atendimento médico, foi constatado que a piloto quebrou duas costelas. A brasileira finalizou a competição na 9ª posição. A vitória ficou com Vânia Medrano, da Guatemala.

Confira a classificação:
1 MEDRANO, Vânia GUA
2 GALAZ, Valentina CHI
3 HIDALGO, Dalila CHI
4 LOPEZ, Alexandra HON
5 GONZALEZ, Tânia CHI
6 COSO , Alexa MEX
7 RODRIGUEZ, Valeria CHI
8 ALEMAN, Daniela ECU
9 BALBI, Mariana BRA
10 MUÑIZ, Dalia MEX
11 MOREL, Sarly PAR
12 CUESTA , Jesenya ECU
13 ABREGO, Yamleth PAN
14 GARCIA, Maria COL
15 GARCIA, Lorena MEX

Mariana Balbi tornou-se a primeira mulher da história a vencer uma etapa do Brasileiro de Motocross. Ela ainda ficou a um segundo de se tornar a primeira brasileira a vencer uma etapa do WMA, competição de Motocross feminino mais difícil do mundo e é uma das cinco melhores do mundo na modalidade.