Milton "Chumbinho" Becker trouxe caneco inédito para o Brasil

Milton “Chumbinho” Becker é Campeão Mundial Veterano de MX

Recém coroado com seu 21º título nacional ao conquistar o Campeonato Brasileiro de Motocross na classe MX4, o catarinense Milton ‘Chumbinho’ Becker representou o Brasil no Campeonato Mundial de Veteranos, o MTA World Vet Motocross. O piloto trouxe para casa mais duas conquistas ao assegurar o título da categoria 40+ Expert e o Vice-Campeonato na 45+ Expert.

Milton "Chumbinho" Becker trouxe caneco inédito para o Brasil

Milton "Chumbinho" Becker trouxe caneco inédito para o Brasil

A competição aconteceu mais uma vez no circuito de Glenn Helen, um dos mais tradicionais e famosos nos EUA e em todo o mundo. Mesmo bastante modificada em relação ao ano passado, a pista se adequou bastante ao estilo de pilotagem de Chumbinho, que já havia conquistado um excelente Vice-Campeonato logo em sua primeira participação em 2013. Mais experiente no Campeonato Mundial e em boa forma física, depois de uma sequência de provas nacionais, o atleta atingiu seu objetivo que era trazer o título inédito para o Brasil.

Disputado em apenas um final de semana, com mais de mil pilotos inscritos nas 30 categorias, o campeonato conta com grandes nomes do esporte que apesar de afastados como pilotos profissionais, continuam na ativa. A primeira categoria disputada por Chumbinho em Glenn Helen foi a destinada a pilotos com 45 anos ou mais, onde o catarinense foi o segundo colocado nas duas baterias, garantindo o Vice-Campeonato. Já com um bom conhecimento do circuito, o piloto teve desempenho ainda melhor na 40+ Expert, recebendo a bandeirada na primeira colocação nas duas provas. Com isto, Chumbinho alcançou o inédito título em sua carreira e para o país.

“Foi muito emocionante, a competição é grandiosa, com mais de mil motos, de várias cilindradas e gente de todo o mundo. Ano passado fiz minha primeira participação e fiquei com o vice em ambas as categorias. Desta vez, com um pouco de experiência, consegui chegar aos EUA antes e treinar aqui, me adaptando ao tipo de terreno e ao clima. Isto sem dúvida ajudou muito a alcançar este  grande objetivo. A alegria é imensa”, explicou o multi-campeão.

A temporada 2014 ainda não acabou para Milton ‘Chumbinho’ Becker. Já nos próximos dias 15 e 16 de novembro, o piloto disputa mais dois títulos, desta vez na rodada final do Campeonato Catarinense de Motocross onde lidera as classes MX3 e MX4.