Matthieu Lussiana, 10º colocado no STK 1000cc em Nürburgring

Moto 1000 GP: Petronas Alex Barros Racing anuncia pilotos

A dupla de pilotos da equipe Petronas Alex Barros Racing está definida para a disputa das oito etapas da temporada 2014 do Moto 1000 GP. O jovem Lucas Barros e o francês Matthieu Lussiana vão defender as cores do time. A competição começa no dia 4 de maio em Santa Cruz do Sul (RS). Barros e Lussiana entram na disputa para defender o título da equipe na GP 1000, já que a Alex Barros Racing é bicampeã nesta categoria, com as conquistas de Luciano Ribodino, em 2012 e 2013. A dupla vai competir a bordo das motos modelo BMW S 1000 RR HP4.

Lucas com seu pai e chefe de equipe Alex Barros e a moto da temporada 2014

Lucas com seu pai e chefe de equipe Alex Barros e a moto da temporada 2014

Lucas Barros – filho do chefe da equipe e ex-piloto da MotoGP, Alex Barros – começou sua carreira no motociclismo em 2004 (aos oito anos), quando participou de um Mundialito na Espanha, na categoria Metrakit 70 cc B. Na oportunidade, terminou na quarta posição. Desde então, o jovem piloto, hoje com 18 anos, treinou em algumas categorias e marcou presença em diversos eventos de motovelocidade no Brasil e na Europa (Espanha). Em 2011, fez sua estreia no Moto 1000 GP, a bordo de uma BMW 1000 cc, se classificou entre os cinco melhores, em um grid com 30 pilotos. Na corrida, teria ido ao pódio, se não tivesse sofrido uma queda, quando ocupava a terceira posição.

No ano seguinte, Lucas Barros tornou-se campeão brasileiro do Moto 1000 GP na categoria GP Light, igualando o recorde mundial ao ganhar o campeonato aos 16 anos de idade em motos de 1000cc. Também em 2012, Barros participou da segunda etapa do Campeonato Argentino na categoria SuperSport 600cc, fazendo sua estreia na competição, ficou em oitavo na categoria A. Em 2013, Lucas Barros estreou na categoria principal do Moto 1000 GP (a GP 1000) participou de cinco das oito etapas do calendário. E, devido a dois acidentes, ficou afastado das pistas. Mesmo assim, terminou o ano na oitava posição. Em 2014, será um dos mais jovens no grid do Moto 1000 GP.

Matthieu Lussiana, 10º colocado no STK 1000cc em Nürburgring

Matthieu Lussiana corre no Moto 1000 GP em 2014 pela Petronas Alex Barros Racing

Já o francês Matthieu Lussiana vai voltar a disputar o Moto 1000 GP na temporada de 2014. Ele participou da rodada dupla que marcou o encerramento da temporada 2012, em Pinhais (PR), no Autódromo Internacional de Curitiba. Na ocasião, Lussiana conquistou a pole position para as duas provas e comemorou a vitória na primeira delas.

Lussiana é piloto de moto desde os 13 anos, e atualmente aos 25, soma seis temporadas disputadas na categoria Superstock 1000 no Mundial de Superbike. Entre seus resultados, desde 2008, estão dois quartos lugares. Em 2013 terminou o campeonato STK 1000 em 11º lugar, sua melhor classificação. Em 2009 foi 31º, no ano seguinte 17º, em 2011 ficou em 23º e 2012 em 12º. Matthieu Lussiana foi campeão francês da categoria 125cc 2T, antes de integrar o Mundial. Em 2014, o francês vai conciliar as disputas do Brasileiro de Motovelocidade, e o Superstock 1000 FIM Cup.

Os dois pilotos já estarão em ação nos testes coletivos da pré-temporada, marcados para os dias 18, 19 e 20 de abril, em Interlagos (SP). Além da equipe patrocinada pela Petronas, a Alex Barros Racing terá mais quatro pilotos no Moto 1000 GP, que serão anunciados em breve.