Foto: A empresa japonesa de engenharia continua o desenvolvimento da máquina de Moto2.

Moto da Moriwaki pronta para correr

Foto: A empresa japonesa de engenharia continua o desenvolvimento da máquina de Moto2.

Foto: A empresa japonesa de engenharia continua o desenvolvimento da máquina de Moto2.

A primeira companhia a anunciar publicamente o interesse em participar na classe Moto2, a Moriwaki Engineering está a levar a cabo os retoques finais no protótipo para utilização na categoria que vai ser introduzida a partir de 2011.

A companhia nipónica desenhou um chassis original para o motor a 4 tempos da Honda CBR600RR escolhido para a moto e já fez um teste com um primeiro modelo. Enquanto os regulamentos de Moto2 só entrarão em efeito na época de 2011, a Moriwaki quer continuar o desenvolvimento da moto com mais testes através da entrada no Campeonato do Japão.

Uma declaração da companhia anunciou:
“A Moriwaki está muito excitada com esta nova classe do Mundial de Grandes Prémios que nos vai permitir correr com a nossa moto original com todas as capacidades da Moriaki. Há uma tendência na industria para a mudança das 2 tempos para as 4 tempos e esta nova categoria é uma grande oportunidade. Aproveitando esta oportunidade, a Moriwaki está muito contente e desejosa por competir com todas as outras motos, com ideias e processos de engenharia de outros construtores.”

A Moriwaki correu pela última vez nos Grandes Prémios em 2005, com Tohru Ukawa e Naoki Matsudo aos comandos de uma 990cc – uma vez mais com base num motor Honda – em Motegi e com Ukawa a participar sozinho em Xangai. Olivier Jacque e Andrew Pitt foram outros pilotos a correrem pela marca.