stthumb7

Moto setentista ganha atualização conceitual e motor elétrico

Ossa Monocasco: réplica elétrica de uma moto que fez "barulho" nas pistas entre 1968 e 1970

Ossa Monocasco: réplica elétrica de uma moto que fez "barulho" nas pistas entre 1968 e 1970

A ART-TIC Team desenvolveu um conceito em homenagem à famosa moto OSSA Monocasco, lendário veículo usado pelo piloto espanhol Santiago Herrero em competições de motocicleta. Trata-se da OSSA Monocasco Electric Bike.

O projeto de moto, além de apresentar um design mais moderno, ganhou um motor elétrico. Há versões com detalhes em rosa claro, marrom e prata. Por ser ainda um conceito, não há previsão de quando a OSSA Monocasco Electric Bike será contruída, tampouco informações sobre preço. Santiago Herrero competiu entre 1968 e 1970, quando morreu em um acidente com sua OSSA Monocasco durante a competição da Ilha de Man, o Tourist Trophy (Gran Bretanha).
Santiago Herrero em ação: morte na TT da Ilha de Man

Santiago Herrero em ação: morte na TT da Ilha de Man

A Ossa nasceu em 1924 fazendo projetores cinematográficos. Após a guerra começou a produzir motocicletas com motores 2 tempos em 1949. Seu nível mais evoluído de produção foi atingido na década de 1960, com a exportação para vários países europeus e para os mercados norte-americanos. Nos Estados Unidos e Canadá, as modalidades off-road deram a oportunidade para a Ossa adaptar seus poderosos motores a novos chassi, o que deu-lhe grande popularidade.

O sucesso como fabricante veio em 1967, nas 24 Horas de Montjuich, prova de endurance disputada nas ruas de Barcelona, com um dobradinha de 1º e 2º lugares contra todas as grandes fábricas espanholas. Inspirada por este sucesso, a fábrica decidiu competir no exterior, nas provas mais difíceis e nas primeiras disputas do então Gran Prix, precursor do atual MotoGP. A marca também alcançou relativo sucesso com o projeto inovador da Ossa Monocasco, de Eduardo Giró e que foi pilotada por Santiago Herrero, que venceu quatro GPs na categoria 250 cc.