Alex Rins da Estrella Galicia 0,0 em Misano

Moto3™: quarta vitória de Rins na temporada

Alex Rins obteve sua quarta vitória nesta temporada da Moto3™ no GP Aperol de São Marino e Riviera di Rimini, batendo Maverick Viñales por um centésimo de segundo . Alex Márquez completou o pódio, enquanto o líder do campeonato Luís Salom terminou em quarto depois de ter largado na décima posição do grid.

Alex Rins da Estrella Galicia 0,0 em Misano

Alex Rins da Estrella Galicia 0,0 em Misano

Na largada para a 12ª corrida da temporada, Salom tinha uma vantagem de 26 pontos para Vinãles (Team Calvo) com Rins (Estrella Galicia 0,0) sete pontos mais atrás. A pole position ficou para o piloto da Mapfre Aspar Team Moto3 Jonas Folger, que tinha como objetivo alcançar a sua primeira vitória da temporada. A luta a três pela ponta rapidamente se converteu num duelo a dois quando Folger – que tinha perdido a liderança para Rins e Viñales –acidentou-se na quarta volta, tendo como consequência fratura no tornozelo esquerdo e lesão no ombro.

A batalha pela primeira posição desenrolou-se durante todo o resto da corrida, com Viñales a passando à frente na 13ª volta mas Rins recuperou-se com um ataque certeiro nos momentos finais da corrida; ele fez a ultrapassagem na Curva 13, na última volta, com ambos evitando se tocar até o final, evitando algum acidente que teria como resultado certo beneficiar Salom estava mais atrás.

Márquez foi terceiro, a seis segundos do vencedor, passando à a frente de Folger na geral e ocupando agora a quarta colocação. Com queda no início do fim-de-semana, Salom sabia que esta corrida não seria tarefa fácil largando da quarta linha do grid – igualando a sua pior qualificação da temporada de 2013. O maiorquino conseguiu chegar ao quarto posto nos momentos iniciais da corrida e acabou cruzando a linha de chegada nessa mesma posição, mas depois de grande batalha com mais cinco pilotos ao longo da prova, o que fez com que ele chegasse a estar em oitavo.

Eric Granado mais uma vez não completou a corrida

Eric Granado mais uma vez não completou a corrida

Salom, que terminou a 11 segundos do líder, conseguiu impor-se a Jack Miller (Caretta Technology – RTG), ao seu companheiro de equipe Zulfahmi Khairuddin e de Miguel Oliveira (Mahindra Racing), enquanto Niccolo Antonelli (GO&FUN Gresini Moto3) caiu para o final deste grupo. O alemão Philipp Oettle (Tec Interwetten Moto3 Racing) conseguiu o melhor resultado da carreira ao terminar em nono, à frente de Romano Fenati (San Carlo Team Italia), que sofreu com problemas de comportamento da moto durante a maior parte da corrida.

Niklas Ajo (Avant Tecno) foi o 11º, terminando um fim-de-semana muito complicado e que incluiu uma visita ao hospital. Já o brasileiro Eric Granado (Aspar) abandonou nos momentos finais depois de ter sido o brasileiro melhor qualificado da categoria com o sétimo lugar no grid. Luca Marini (Twelve Racing) também desistiu; o meio irmão do nove vezes Campeão do Mundo Valentino Rossi foi cuspido da moto na primeira curva da corrida. Andrea Locatelli (Mahindra Racing) também teve problemas na Curva 1.

Tanto Viñales, como o vencedor Rins – que estreiou com vitória em Indianápolis – estão agora a uma vitória de Salom. O líder do campeonato soma 246 pontos, com Viñales a 19 e Rins a 21.

A luta continua na Espanha no MotorLand Aragón dia 29 de Setembro.