Praticamente certa a ausência da MotoGP™ no Brasil em 2014

MotoGP™ em Brasília? Não em 2014!

Meus amigos mais ligados à motovelocidade insistiam em tentar me convencer de que a etapa brasileira da MotoGP™ não aconteceria, apesar dos insistentes comunicados das autoridades alardeando que todas as providências estavam sendo tomadas para que o tão esperado evento acontecesse dentro do cronograma de prazos até a corrida, que aconteceria em 28 de setembro. Otimista por natureza ignorei os avisos, só que me dei mal. Eles tinham razão.

Praticamente certa a ausência da MotoGP™ no Brasil em 2014

Praticamente certa a ausência da MotoGP™ no Brasil em 2014

O indesejável “balde de água fria” veio com o decepcionante comunicado do Governo do Distrito Federal (GDF) anunciando que as obras de reforma do Autódromo Internacional de Brasília Nelson Piquet somente serão concluídas em 2015, o que quer dizer que a alardeada etapa brasileira da MotoGP™ não será realizado naquela cidade. O Brasil somente deverá ser mantido no calendário da MotoGP™, caso outro autódromo seja reformado e esteja em condições de receber o evento, até o dia 28 de setembro, o que dificilmente acontecerá pois a prioridade absoluta dos governos estaduais e federal é a Copa do Mundo.

O jeito é assistir à etapa argentina que acontecerá no dia 27 de abril. No país vizinho, para a alegria de nossos “hermanos”, mesmo com a forte crise financeira que assola a Argentina, o governo federal assumiu com seriedade a construção do moderníssimo Autódromo Termas de Rio Hondo e assim viabilizou a realização do evento em 2014.

É um grande prejuízo para o esporte nacional motorizado em duas rodas, que deixa de receber um evento de grande magnitude mundial e também para o país que perde muito em credibilidade, mais uma vez provando à comunidade internacional que não é capaz de cumprir os compromissos que assume. Convenhamos, vivemos em um país onde nossos governantes acreditam que esporte é somente futebol, por isso todos os recursos são destinados à Copa do Mundo e o resto,  … bem, o resto é o resto.

Leia o conteúdo do comunicado oficial

” Informamos que, após o término da etapa de estudos técnicos para reforma do Autódromo Internacional de Brasília Nelson Piquet, a conclusão foi a de que não haverá tempo hábil para receber a etapa de setembro do Mundial de MotoGP, em 2014, em razão da complexidade das obras para elevar o espaço atual a um padrão internacional de competições.

O GDF segue com o projeto para 2015, para ter o autódromo inteiramente adequado ao perfil do megaevento. A reforma também credencia o espaço a receber outras grandes competições internacionais, o que reforça o compromisso do GDF em colocar Brasília na rota dos grandes eventos esportivos. Por isso, o autódromo possui projeto complexo, que altera o traçado do circuito de forma significativa, além de modificar áreas de boxes, paddocks, sinalização, espaço para imprensa e alimentação, entre outras adequações. “

Triste mas é verdade …



Mário Sérgio Figueredo

Motociclista apaixonado por motos há 42 anos, começou a escrever sobre motos como hobby em um blog para tentar transmitir à nova geração a experiência acumulada durante esses tantos anos. Sua primeira moto foi a primeira fabricada no Brasil, a Yamaha RD 50.