Valentino Rossi em seu retorno à Yamaha para a temporada 2013

MotoGP™: início positivo para a Yamaha na Malásia

Novamente juntos, os companheiros de equipa da Yamaha Factory Racing Jorge Lorenzo e Valentino Rossi foram rápidos a limpar quaisquer “teias de aranha” que tivessem ficado de antes da pausa do Inverno. Rossi foi o piloto mais rápido durante a maior parte da sessão da manhã, levando pouco tempo a voltar a adaptar-se à YZR-M1 que tantos sucessos lhe trouxe no passado.

Valentino Rossi em seu retorno à Yamaha para a temporada 2013

Valentino Rossi em seu retorno à Yamaha para a temporada 2013

O Campeão do Mundo Lorenzo não ficou muito atrás, com o maior empenho em aproveitar para  experimentar várias coisas que não tinha conseguido testar totalmente em Valência, no final do ano passado. Quando os dois pilotos pararam, dando o dia por terminado, Lorenzo estava em segundo, apenas a 0,008 segundos do primeiro, com Rossi em quarto, a menos de meio segundo.

Os dois pilotos retornam à pista amanhã, às 10h da manhã (horário local), e novamente na quinta-feira para o último dos três dias de teste.

Jorge Lorenzo
“Esta manhã tive de voltar a adaptar-me à moto do MotoGP, mas não demorou tanto tempo como no ano passado. Quando alcancei algum ritmo, experimentamos algumas coisas que não tínhamos conseguido testar em Aragão, mas precisamos trabalhar mais nisso. Algumas coisas gostei, mas outras coisas precisam ser mais trabalhadas. Amanhã vamos continuar a testar as coisas que experimentamos hoje e também algumas partes novas. Os tempos da Yamaha e da Honda foram muito próximos, por isso vamos tentar melhorar ainda mais a nossa moto. Ainda estamos trabalhando na aceleração, melhoramos muito no ano passado, mas ainda não é o nosso ponto mais forte. Penso que neste momento a consistência é um dos meus pontos mais fortes e espero continuar assim este ano”.

Valentino Rossi
“Estou muito contente com o primeiro dia de testes com a M1. Depois de duas temporadas fora, conseguir regressar à moto e voltar a sentir a boa sensação que sempre tive com ela. Também estou muito satisfeito porque fui bastante rápido esta manhã. Trabalhamos na afinação para introduzir algumas melhorias e demos alguns passos importantes. À tarde começamos a trabalhar em novas coisas para a temporada. Este é apenas o primeiro teste, mas o potencial é grande e estou numa boa posição, estou no quarto posto não muito longe dos outros três pilotos. Acredito que vamos conseguir melhorar nos próximos dias, mas estou contente com o início”.

Comunicado de imprensa da Yamaha Factory Racing.