Pedrosa foi o mais rápido no primeiro dia de testes em Sepang

MotoGP™: Pedrosa lidera primeiro dia de testes em Sepang

Com as equipes empenhadas em aproveitar ao máximo o tempo de pista para trabalhar com as novas, ou renovadas motos, e com a chuva a não se confirmar, os pilotos tiveram um dia completo de trabalho. E no final foi Dani Pedrosa, da Repsol Honda Team, quem marcou o melhor tempo ao cravar 2m01,157s ao final do dia, com a mais recente evolução da moto RC213V. Jorge Lorenzo, da Yamaha Factory Racing, que detém o recorde da melhor volta do circuito em 2m00,334s (2012), fez uma derradeira tentativa com a Yamaha, com um chassis diferente e motor melhorado e ficou a 0,008s do compatriota. As melhorias levadas a cabo na moto deverão oferecer melhor aceleração e estabilidade nas saídas de curva.

Pedrosa foi o mais rápido no primeiro dia de testes em Sepang

Pedrosa foi o mais rápido no primeiro dia de testes em Sepang

A Yamaha e os fãs tiveram os primeiros vislumbres de Valentino Rossi de volta aos comandos da máquina nipónica, com o italiano a não desapontar com uma marca a pouco mais de quatro décimos de Pedrosa, em quarto. Contudo, a história do dia foi para muitos o companheiro de equipe de Pedrosa, Marc Márquez, que ficou a apenas 0,036s de Lorenzo, em terceiro, o que reforça a sua posição entre o grupo de favoritos deste ano.

Contudo, parece que Stefan Bradl, da LCR Honda MotoGP, que está pilotando uma RC213V com a mesma especificação que a HRC usou no teste de Valência do ano passado, também terá algo a dizer nesta temporada. O alemão terminou o dia em quinto a apenas dois décimos de Rossi. Ele trabalhou em várias coisas, desde o controle de tração, à suspensão e freios. Atrás dele ficou Cal Crutchlow, da Monster Yamaha Tech 3, que melhorou de forma regular ao longo do dia, se bem que aos comandos da Yamaha do ano passado.

Para fechar a lista dos sete primeiros vem Álvaro Gresini, da Go & Fun Honda Gresini, que continuou em busca da melhor afinação para a suspensão Showa e terminou a 0,825s do topo. O piloto de testes da Yamaha, Katsuyuki Nakasuga, e o piloto de testes da HRC, Kosuke Akiyoshi, apresentaram bom desempenho ao terminarem entre os dez primeiros, à frente de Nicky Hayden, da Ducati Team, que iniciou a nova era da equipa com o décimo tempo a mais de dois segundos de Pedrosa, mas à frente do outro piloto de testes da Yamaha, Wataru Yoshikawa.