Rush Motorcyles / Bruna Donini

Muita emoção na Moto 1000 GP

Rush Motorcyles / Bruna Donini

Rush Motorcyles / Bruna Donini

Eduardo Costa Neto e João Victor Batista venceram em grande estilo as duas primeiras etapas do Moto 1000 GP, disputadas neste final de semana no autódromo de Interlagos, em São Paulo.  Vitória de “Dudu Rush Costa Neto” na primeira e de João Vitor, o “Tripinha”, na segunda corrida. Volta a volta trocando de posição, Dudu ultrapassando Tripinha nas freadas e curvas e sendo ultrapassado por ele nas retas, em sua Honda CBR 1000  com mais de 50 cavalos de potência que a Kawasaki Ninja ZX-6R de 600 cilindradas de Dudu.

Na primeira corrida Dudu conseguiu cruzar em primeiro porque Tripinha errou, se espalhou um pouco na última curva e não deu para alcançá-lo no motor, na reta de chegada. Mas na segunda prova, deu.  Dudu até conseguiu abrir um pouco, mas a diferença no motor deu a vitória por metros a Tripinha. Foi emocionante.

Agora, os dois estão empatados com 45 pontos na liderança do campeonato, que terá mais duas provas em São Paulo, duas em Londrina/PR, uma em Curitiba e a final no Rio de Janeiro. A Mobil Rush Racing Team, com quatro motos inscritas e na liderança com Dudu Rush, poderá aumentar o número de pilotos nessas próximas etapas.

Mas diante da superiodade das motos 1000, entrou em pauta na equipe trocar a Kawasaki 600 de Dudu por uma delas, ainda sem definição da marca. A equipe tem Yamaha, Honda, Triumph e Kawasaki correndo nesta temporada. A Triumph Daytona 675 do seu piloto Sergio de Laurentys está em terceiro no campeonato – o segundo posto está vago, pelo empate na liderança. É outra moto que pode ser subsituida nas demais etapas.

Resultados Moto 1000 GP
Primeira Etapa 8 e julho de 2011
1º) Eduardo Costa Neto, Kawasaki Ninja 600, GP Light, 23min30s511
2º) João Victor Rodrigues Batista, Honda CBR 1000 a 0s675
3º) Eduardo Zampieri,  BMW S 1000, a 40s893
4º) Sérgio Laurentys, Triumph Daytona 675,
5º) Ricardo Kastropil,  BMW S 1000
6º) Leymar Sanches BMW S 1000
7º) Nick Iatauro, BMW S 1000
8º) Reynaldo Mendes, BMW S 1000
9º) Samuel Andreghetto Júnior, BMW S 1000
10º) Brecht Mondragon, Yamaha R1 1000
11º) Sérgio Prates Pereira Suzuki 1000
12º) Rodrigo Faria, Yamaha R1 1000
13º) Glaucus Vinicius Kawasaki Ninja 600
14º) Denílson de Oliveira, BMW S 1000
15º) Fábio Teixeira Neto, Yamaha R1 1000
Melhor volta: João Victor Rodrigues Batista, 1min45s691

Segunda Etapa 10 de julho de 2011
1.  Joao Victor Rodrigues Batista, Honda CRB 1000, GP Ligth, 23:16.697
2.  Eduardo Costa Neto, Kawasaki Ninja 600, 23:16.842
3.  Sergio Laurentys,Triumph Daytona 675, 23:40.087
4.  Eduardo Zampieri,BMW S 1000, 23:40.313
5.  Ricardo Kastropil, Honda CBR 1000, 23:50.326
6.  Nickolas Iatauro,  BMW S 1000, 24:41.013
7.  Reynaldo Mendes, BMW S 1000, 24:41.309
8.  Leymar Sanches, BMW S 1000
9.  Brecht Mondragon, Yamaha R1 1000
10.Fabio Teixeira Nero, YAMAHA R1 1000
11.Rodrigo Faria, Yamaha R1 1000
12.Fernando Itapura, BMW S 1000
13.Samuel Andreghetto Jr, BMW S 1000
14.Denilson de Oliveira, BMW S 1000
15.Glaucus Vinicius, Kawasaki Ninja 600
Melhor volta Eduardo Costa Neto 1min 46 seg 160/1000