Nicky Hayden abre segundo Showroom da Ducati na Índia

Nicky Hayden abre segundo Showroom da Ducati na Índia

Nicky Hayden abre segundo Showroom da Ducati na Índia

Depois de ter aberto a primeira Loja Ducatiem Mumbai, a marca italiana continua a causar sensação no mercado indiano.

Nicky Hayden, piloto oficial da Ducati no Campeonato de MotoGP, foi convidado para inaugurar a Loja Ducati em Gurgaon, um dos mais dinâmicos e modernos bairros da capital indiana. Nicky foi recebido por Ashish Chordia, Director Executivo da Precision Motor India Private Limited, um grande fã da Ducati que, assim, ficou muito contente por ter o Campeão do Mundo de MotoGP de 2006 presente no evento.

Chordia, ao lado de Mirko Bordiga, Director Executivo da Ducati Ásia Pacífico, apresentaram Hayden a grande número de jornalistas nacionais e o piloto americano falou com todos sobre a experiência de ser piloto da Ducati, a sua primeira temporada com a formação oficial e sobre os objectivos para 2010, ano em que vai voltar a rodar ao lado de Casey Stoner na luta pelo título.

-Este evento fez-me compreender a grande importância estratégica de um mercado como a Índia, o seu grande potencial e, acima de tudo, o quão bem conhecidos e apreciados são o MotoGP e a Ducati na Índia, além de ter visto também como a marca consegue atrair novos fãs, tanto do ponto de vista comercial, como desportivo,- comentou Nicky Hayden. -Estou contente por haver tanto interesse em nós e pela forma como estão à espera da próxima época. No ano passado, depois de difícil início, fizemos melhorias continuas perto do final e após o teste de Valência fiquei muito excitado com o próximo ano e estou desejoso por voltar a rodar com a Ducati.-

Ashish Cordia disse: -A marca Ducati simboliza sucesso e paixão nas corridas e não podíamos ter melhor testemunho que o do Nicky. Com a abertura da loja de Gurgaon a Ducati pode agora chegar aos seus clientes em dois mercados muito importantes – Deli e Mumbai – onde vamos dar o melhor nível de vendas e serviços pós vendas disponíveis no mercado.-