Foto: Yamaha XJ6 - Claudinei Cordiolli

Novas Yamaha, Ergonomia x habilidade, Moto ideal, Onda do disco

Foto: Yamaha XJ6 - Claudinei Cordiolli

Foto: Yamaha XJ6 - Claudinei Cordiolli

Por favor, gostaria de saber quando será lançada a Yamaha XTZ 250X modelo 2010? E tb a XT 660. Quais as novidades que virão para esses modelos?
André, 28, São Paulo, SP.

R: Não sabemos André, a fábrica não anunciou ainda. Alguns modelos estão sendo lançados hoje como sendo da linha 2011 e outros permanecem sem modificação desde 2009. Também acho estranho, vamos esperar para ver o que acontece.


Caro amigo Bitenca, gostaria de compartilhar contigo uma dúvida: até onde o porte físico do piloto interfere na escolha da moto? Explico: tenho uma burgman 125 para uso diário e uma Bandit 650S para passeios no fim de semana e curtas (e cada vez mais raras) viagens. Depois de sofrer um assalto com a Bandit, estou desencorajado de tê-la, mesmo contando com um dispendioso seguro. A sensação de insegurança é preocupante. Então tenho pensado em migrar para uma categoria menos visada. Aí minha dúvida: meu tamanho (1.66 m) me impede de partir para uma maxitrail? Tive a oportunidade de montar numa V-Strom e admito ter ficado bem desconfortável “nas alturas”. Ou será só questão de costume? Pela altura do banco é possível traçar um biótipo que a marca considerou em seus projetos? Um grande abraço. Fabio, 27, São Paulo, SP.

Foto: Disco Braking - Divulgação

Foto: Disco Braking - Divulgação

R: Com certeza, Fábio. Os projetistas ao desenhar uma motocicleta têm em vista o biótipo do piloto típico. Entretanto é comum vermos pilotos claramente abaixo da estatura ideal para conduzir uma determinada motocicleta, sendo bastante habilidosos e andando sem problemas, literalmente nas alturas.
Se o motociclista consegue manter a moto em pé, ao parar num semáforo e fazer as manobras básicas de estacionamento acho que ele pode desenvolver habilidade no equilíbrio que supera a deficiência no alcance das pernas no chão, para qualquer outra situação.
Com a moto em movimento, mesmo que seja mínimo, já é possível e muito recomendado colocar os pés nas pedaleiras e manobrar o veículo pelos controles da embreagem, acelerador, freios e guidom.
O desafio promove e incentiva habilidades.


Olá, estou com uma duvida tremenda, estou querendo trocar minha moto atual (Twister) por uma XRE 300 ou Falcon 400, e gostaria da opinão especializada do motonline… Vou fazer pequenas viagens com ela e locomoção para o trabalho durante a semana. Levando em conta que tenho 1,98m de altura e ando sempre com minha namorada qual moto seria mais ideal para mim ? Grato pela atenção… Anderson, 27, Blumenau, SC.

R: Anderson, nós não podemos recomendar uma moto para ninguém, depende do que lhe faz o gosto, atende melhor as suas próprias aspirações, não podemos estimar o que é importante numa moto para você.
Verifique as características de cada uma que lhe atrair e decida consciente de que é ela que atende seus pontos mais importantes. Boa sorte.


Gostaria de mudar o disco de freio da minha NXR 150 Bros 2009 para um estilo wave. Dizem que esfria mais rapido do que o original, mas não tenho certeza se dão qualidade na frenagem. O estilo visual e show. Posso trocar e andar seguro?
Leonardo, 26, Rio de Janeiro, RJ.

R: Leonardo, não fizemos nenhum teste com nenhuma marca desse tipo de disco. É certo que o formato promove maior limpeza das pastilhas porém isso não é tudo. Há materiais apropriados e inapropriados para esse tipo de uso, o inox deve ser de rápida dissipação de calor, uma coisa que normalmente esse tipo de aço não tem como característica normal. Então deve-se ter cuidado na substituição. Abraços


Bitenca, me tire uma dúvida se puder. Quando leio testes de motos e até mesmo carros sempre tem lá “Velocidade Máxima”. Eu queria saber como é feito este teste, se existe algum “padrão” como tamanho de pista, posição de pilotagem, temperatura ambiente. Abraço.

R: Marcelo, são feitas várias tomadas de tempo em condições de temperatura, humidade e pressão normais, (nível do mar) numa pista bem longa, que seja suficiente para o motor chegar na rotação máxima. Erros provocados por variações do vento ou outras coisas são neutralizadas pelo grande número de medições. Entretanto hoje em dia já existe simuladores em computador que projetam a velocidade máxima ao se inserir os parâmetros do motor, dados da aerodinâmica do veículo, etc.
São as maravilhas da tecnologia, de modo que você deve ter como referência as informações publicadas pelas fábricas, ou outras publicações de qualidade. Abraços.