Foto: Claudinei Cordiolli

O importante papel do garupa para uma viagem segura

Foto: Claudinei Cordiolli

Foto: Claudinei Cordiolli

A necessidade de usar capacetes e acessórios, prestar atenção ao passar por entre os carros e respeitar os limites de velocidade ao andar de moto não é novidade para ninguém. Porém, poucos lembram-se que orientar seu garupa também é de extrema importância para uma condução segura.

Quem nunca ofereceu carona para uma pessoa que se sentiu insegura e acabou atrapalhando a pilotagem? Para evitar este tipo de desconforto a ambas as partes, não há nada melhor e mais civilizado que bater um papinho educado com o garupa de primeira viagem, dando alguns conselhos simples e indispensáveis.

O famoso ditado popular diz que “curiosidade mata”. Isto pode ser uma grande verdade quando se está em cima de uma motocicleta. Um garupa que fica olhando para os lados, tentando descobrir aonde está indo, pode atrapalhar o piloto, desequilibrar e causar um acidente.

A melhor forma de previnir este tipo de atitude é, antes de começar a viagem, explicar o percurso para o acompanhante e recomendar que este fique imóvel numa posição confotável e fique o mais próximo possível do piloto. Assim, ambos estarão sincronizados com os movimentos da bike, diminuindo o risco de acidente.

São inúmeras as histórias de pilotos que quase derrubaram o garupa por não saber que este ainda não estava acomodado. Por isso, peça que seu passageiro lhe dê um “cutucãozinho” ou avise quando tiver terminado de arrumar a bolsa, cabelo, etc. Desta forma, piloto saberá que pode dar partida na moto e iniciar o percurso.

Por falar em “cutucãozinho”, se for fazer viagem longa com acompanhante, é a vez do piloto, de tempo em tempo, mexer com o garupa, assegurando-se que ele não está quase dormindo. Se este pegar no sono, poderá deixar o peso do
corpo cair para um dos lados, causando um grave acidente.

Para percursos na cidade, a dica é simples: peça para o passageiro manter as pernas rentes à motocicleta. Normalmente em viagens urbanas, a bike passa por corredores de carros e pernas abertas podem machucar o passageiro.

Por último e não menos importante, alerte o garupa a sempre subir na moto pelo lado esquerdo. Muitos não sabem que o escapamento pode causar
queimaduras graves!

Não se esqueça, é melhor perder cinco minutos aconselhando seu garupa, do que horas – ou até dias ou a vida – por causa de um acidente que poderia ser evitado! – Natália Mazzolani

Abaixo link para o Fórm Garupa iniciado por JT -20329 :