Foto: Motos pequenas carburadas podem passar pelas normas brasileiras. - Bitenca

Pequenas sem injeção, pode? – Problemas com a moto – Mandei lavar a moto e está enferrujando tudo –

Foto: Motos pequenas carburadas podem passar pelas normas brasileiras. - Bitenca

Foto: Motos pequenas carburadas podem passar pelas normas brasileiras. - Bitenca

Bitenca, estive observando que as motos até 125cc que são vendidas no brasil não possuem injeção eletronica! A exemplo recente temos a factor 2011 que saiu carburada. O motivo é o preço ou por não ter vantagens nesse caso? Jeann, 22, Fortaleza, CE.

R: Jeann. A meta atual de quantidade de emissão de poluentes pode ser atingida com o sistema de carburador, quando o motor é pequeno. Por isso alguns fabricantes mantém esse sistema. Para o Euro4, norma que já está definida para a Europa e que provavelmente será implantada no Brasil a exemplo do Euro3 na Promot3 (Br) essas motos não conseguirão passar. Por isso, mesmo nas pequenas, alguns fabricantes preferiram ir direto e “superar” o Promot3. Estão mais preparadas para enfrentar uma maior redução de emissões, quando for definida essa meta. Abraços.


Bitenca, Estou preocupado com a moto que comprei XRE300 moro num sitio a 10 Km da cidade desde agosto, quando comprei a moto foi na intenção de morar nesse sitio e trabalhar na cidade, esses 10 km de estrada de terra, 50% é areia e os outros 5 Km é morro e barro puro, aqui temos 2 períodos, o seco e o chuvoso, mudei para o sitio no período seco, foram 3 meses de areia, mas foi bom a moto na areia é ótima, agora na primeira chuva, foi uma tragédia, vou trocar os pneus para aquele borrachudo que chamam por aqui tipo Motocross, mas o maior problema que estou vendo é que o paralama dianteiro alem de ser muito pequeno é colado ao pneu, será que ele não vai brecar a roda dianteira enquanto a trazeira está empurrando ? isso não é um absurdo ? se realmente isso acontecer não terei direito a ter meu dinheiro de volta e devolver a moto ? afinal eu comprei uma moto para andar na terra/barro/areia e asfalto. Tem como reclamar direto para fabrica ? quando entro no site so tem endereços de email das concessionárias, obrigado pela atenção Sávio, 50, Buritipucu, MA.

Foto: Mandei lavar minha moto e enferrujou tudo - Bitenca

Foto: Mandei lavar minha moto e enferrujou tudo - Bitenca

R: Sávio, Não creio que haja qualquer problema com sua moto. Ela foi feita para um uso on-off, ou seja nas duas condições. Seja na terra ou no asfalto. Se seu uso é 100% na terra uma pequena alteração como a troca dos pneus resolve mas se no seu percurso tiver 50% de asfalto pense bem porque o desgaste será muito alto nesses trechos. Treino e desenvolvimento de habilidades na condução em terra podem favorecer o uso do pneu original, que não é tão ruim assim e vai durar muito mais.
Há uma desvantagem grande no para-lama alto que não trava a roda na terra mas joga muita lama no pé, nas calças e na viseira do piloto quando o piso fica molhado, seja na terra ou no asfalto. Por isso, nas motos que não são especializadas para o uso esportivo na terra se usa esse para-lama baixo.
Enfim, pode ser que apenas com os pneus especiais você resolva seu problema e a roda dianteira não trave, porque há um efeito auto-limpante desse tipo de pneu que ajuda nisso. Mas de qualquer maneira seria bom você andar com as ferramentas para se for necessário, retirar o para-lama naqueles dias piores.
A sua moto é excelente para esse tipo de uso Sávio, uma outra mais especial para off-road teria aspectos esportivos que poderiam não lhe agradar. Conforto, resistência e menos manutenção você vai ter é com essa mesmo. Cuide bem atentando ao filtro de ar, transmissão, óleo e filtro e freios. Mantenha-a sempre limpa e terá muitos anos de uso com ela. Abraços e boa sorte.


Olá!! Mandei lavar minha moto em posto de lavagem, só que os caras usaram um shampoo com soda muito forte eu acho e a moto começou a enferrujar os parafusos, os raios e motor começaram a oxidar. O que eu poderia fazer?? Que podeira pasar? Muito Obrigado!! Dionatan, 21, Candelária, RS.

R: Olá Dionatan. Seu problema será definitivo a não ser que desmonte tudo e mande zincar novamente os raios, porcas, arruelas, parafusos e o que mais foi afetado, um trabalhão. Uma vez retirada a camada protetora dessas peças a ferrugem ataca sempre que houver uma possibilidade. A chuva (se for ácida) e barro piora sempre então lave bem a moto apenas com água e sabão e nas partes sujas com oleosidade limpe com querosene num pincel (nunca nos freios). Enxágue bem e por fim pulverize nas partes afetadas pelo shampoo ácido um spray anti ferrugem. Abraços.