Pilotos Acerbis acirram disputa no Brasileiro de Enduro

Etapas de Guarapuava embolam classificação geral e aumentam emoção

Duas provas com muitas emoções e resultados que deixam ainda mais acirrada a disputa pela liderança do Campeonato Brasileiro de Enduro de Regularidade. Foram assim a 11ª e 12ª etapas do torneio, em Guarapuava, neste final de semana. Os pilotos Acerbis Dário JúIio e Sandro Hoffmann, que chegaram ao Paraná como 1º e 3º na classificação geral, tiveram bom desempenho e seguem fortes candidatos ao título.

Dario Julio teve um domingo surpreendente e de recuperação. No sábado o piloto capotou com a moto em um rio ao ser surpreendido por um degrau maior que o indicado na planilha da prova. Mais que a queda, o acidente provocou d anos. A moto começou a falhar e o piloto terminou em quinto lugar a 11ª Etapa, perdendo pontos e a diferença que garantia a ele liderança na competição. Sandro Hoffman foi o primeiro e Jomar Greco, que chegou ao Paraná como vice na competição, foi o segundo. Mas a 12ª etapa reestabeleceu o equilíbrio.

“Fui bem mesmo. Acho que ganhei hoje para recuperar de ontem, quando a moto quebrou, ficou falhando muito e não deu para andar legal. Mas hoje foi tudo bem”, disse após a prova o piloto mineiro, que compete com equipamentos Acerbis: conjunto Alkatraz, luva Impact, bota Impact X-Tight e capacete Impact.

Sandro Hoffmann foi ao Paraná projetando atingir pelo menos a vice-liderança da competição. Andou muito bem no sábad o e no domingo, enfrentado pista desconhecida e o frio. As dificuldades de Dário Júlio aumentaram as chances para disputar a liderança. Neste domingo, enquanto aguardava contagem final, já tinha expectativa de ser vice. “A única certeza do dia é que o Dario venceu, mas estamos na expectativa. Uma coisa é certa, até a última etapa agora será de tensão e muita disputa”, disse o piloto. Hoffmann veste Acerbis com conjunto Impact, a luva Impact, a bota Impact X-Tight e o capacete Impact.