Foto: O brasiliense Rafael Fonseca realizou neste s bado vistoria em sua moto

Pilotos chegam a Santa Luzia para Brasileiro de Supermoto

Foto: O brasiliense Rafael Fonseca realizou neste s bado vistoria em sua moto

Foto: O brasiliense Rafael Fonseca realizou neste s bado vistoria em sua moto

Primeira etapa da competi‡Æo nacional acontece neste domingo; organiza‡Æo e competidores realizaram hoje as vistorias t‚cnicas

Santa Luzia (MG) – A cidade de Santa Luzia, regiÆo metropolitana de Belo Horizonte (MG), come‡ou a sentir a agita‡Æo na tarde deste s bado, 27 de maio, com a chegada dos pilotos que irÆo participar da 1¦ etapa do Campeonato Brasileiro de Supermoto. Na pista do Mega Space foram realizadas as vistorias t‚cnicas nas motos. A prova acontece amanhÆ, 28 de maio, com os treinos livres a partir das 8h30 e as baterias no per¡odo da tarde.

Entre os pilotos que j  estÆo no local da competi‡Æo, destaque para o paulista Marcel Sona, atual campeÆo da categoria SM1. Durante o trabalho da organiza‡Æo ele elogiou o circuito deste ano e acredita que a etapa inicial ser  de intensa disputa. “ uma pista de alta velocidade com um longo trecho em terra. Isso deve tornar a competi‡Æo bastante seletiva e acirrada”, disse Marcel.

Entre pilotos estreantes o destaque vai para o paranaense Paulo Stedile. O piloto de motocross que se afastou das pistas no final de 2004 ap¢s um grave acidente, compete na categoria SM2. Recuperado, escolheu o Supermoto para seu retorno. “ uma grande emo‡Æo estar de volta …s pistas. Sobretudo numa modalidade como esta que exige t‚cnica, preparo e rapidez”, disse o piloto que ir  competir com uma Kawasaki.

O Campeonato Brasileiro de Supermoto mescla diferentes modalidades do motociclismo como Motocross, Motovelocidade e Enduro. Nesta competi‡Æo estÆo abertas quatro categorias. A SM1, considerada a principal delas, re£ne motos de Enduro e Motocross acima de 125cc (dois tempos) ou 300cc (quatro tempos); a SM2 inclui motos de at‚ 125cc (dois tempos) ou 300cc (quatro tempos); a SM3 engloba motos nacionais de Trail dois tempos ou as quatro tempos homologadas pela Confedera‡Æo Brasileira de Motociclismo (CBM); e, por £ltimo, vem a categoria SMJr, que ‚ destinada a pilotos nascidos ap¢s 1991 com motos de Trail ou de Motocross (at‚ 85cc dois tempos ou at‚ 125cc quatro tempos).