A Moto 1000 GP vem despertando o interesse de pilotos de pilotos de países vizinhos

Pilotos da Argentina e Uruguai disputam o Moto 1000 GP em Santa Cruz do Sul (RS)

A terceira etapa do Moto 1000 GP terá suas corridas neste domingo (23) no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul. Com a disputa subdividida nas classes GP 600, GP Light e GP 1000, esta última incorporando os pilotos da GP Máster, o evento no circuito gaúcho será marcado pela participação de seis pilotos estrangeiros. A confirmação da participação de quatro argentinos e um uruguaio aconteceu na tarde da última segunda-feira (17).

Cada vez mais o Moto 1000 GP vem despertando o interesse de pilotos de países vizinhos

Cada vez mais o Moto 1000 GP vem despertando o interesse de pilotos de países vizinhos

Dois pilotos da Argentina, Sergio Fasci e Adrian Silveira, vão disputar a categoria GP 600, a mesma que terá na pista Maximiliano Gerardo, do Uruguai. Os outros dois argentinos que anunciaram participação efetuaram inscrição na categoria GP 1000 – Diego Pierluigi e Guillermo Furlong.

A vinda dos estrangeiros permitirá aos brasileiros estabelecer parâmetros ao processo de evolução, segundo o diretor do Moto 1000 GP, Gilson Scudeler.

A presença de estrangeiros no Moto 1000 GP não é inédita. O próprio Pierluigi participou da última rodada dupla da temporada de 2011, no Rio de Janeiro. Conquistou a pole-position e venceu as duas provas da GP 1000. Em 2012, Luciano Ribodino, argentino de 18 anos, disputa regulamente a GP 1000 pela a Alex Barros Racing. Terceiro colocado na classificação do campeonato, ele completa a lista de seis estrangeiros na etapa gaúcha.

Os treinos para o GP Santa Cruz do Sul terão início na sexta-feira (21). As três provas do domingo terão transmissão pela Record News e pela Record Internacional, além da exibição ao vivo no Portal R7 e no site do campeonato, o moto1000gp.com.br.