Pilotos encaram novas categorias no Brasileiro

Campeonato ter  in¡cio nos dias 3 e 4 de mar‡o no interior paulista; Chumbinho e Leandro Silva sÆo alguns dos que irÆo mudar de ares

SÆo Paulo (SP) – Ano novo, vida nova. Esta frase est  sendo levada ao p‚ da letra pelos pilotos do Campeonato Brasileiro de Motocross, cuja etapa de abertura est  marcada para os dias 3 e 4 de mar‡o. Ser  na pista do Centro Educacional de Trƒnsito Honda, em Indaiatuba (SP), que muitos deles irÆo experimentar uma nova categoria e iniciar a corrida atr s de outros objetivos na competi‡Æo. Os ingressos para o evento estÆo sendo distribu¡dos gratuitamente nas concession rias Honda e Yamaha.

Entre os atuais campeäes, apenas JoÆo Paulino da Silva J£nior, o Marronzinho, defender  exclusivamente o t¡tulo da MX1. Milton Becker, o Chumbinho, que venceu as £ltimas trˆs edi‡äes do Brasileiro na categoria MX3, tentar  a sorte na MX2. J  Leandro Silva, al‚m de lutar pelo bi na MX2, precisar  de f“lego dobrado para disputar as baterias da MX1.

Depois do t¡tulo na 85cc, Rodrigo Rodrigues disputar  as provas da nova categoria MXJr. Por‚m, ele s¢ poder  correr no segundo semestre, j  que quebrou uma v‚rtebra durante os treinamentos e est  em recupera‡Æo. Cezar Zamboni, atual campeÆo da 65cc, subir  para a 85cc.

Veterano na MX2 – Um dos pilotos mais vitoriosos do motociclismo nacional, Chumbinho, 39 anos, acredita estar come‡ando de novo. “A expectativa ‚ grande, porque tudo ‚ novidade. Parece que estou disputando a minha primeira corrida”, revelou o catarinense. Em 2003, ele despediu-se da MX2 com t¡tulo. “Mas agora tudo ‚ diferente, nÆo h  como saber o ritmo real dos advers rios, que sÆo bem mais jovens. J  corri com alguns deles, mas a maioria eu nunca enfrentei”, explicou. “Em Indaiatuba, quero andar e ntre os 10″, concluiu Chumbinho.

Desafio em dobro – O paranaense Leandro Silva est  realizando os acertos finais para disputar as provas da MX2 e da MX1. “A £nica desvantagem ‚ que eu terei de correr uma bateria a mais. Acredito que irei evoluir e ganhar muita experiˆncia nesta temporada”, explicou o piloto. “A categoria MX1 ser  novidade para mim, mas j  competi com a maioria dos advers rios. V rios pilotos estÆo mudando da MX2 para a MX1, como o Ratinho (Marcello Ferreira de Lima), que foi o meu principal advers rio no ano passado. Tamb‚m j  andei com o Marrom e venci, durante o Supercross, em 2005. Mas certamente ele ‚ o favorito nesta temporada”, apontou Silva.

De olho no t¡tulo de 2008 – Por estar fora das pistas neste primeiro semestre, o paulista Rodrigo Rodrigues est  ciente de que o t¡tulo da MXJr ficou quase imposs¡vel. “Mas no ano que vem irei continuar na categoria e brigar pela vit¢ria. Vou aproveitar o segundo semestre para me adaptar com a nova moto”, explicou o atual campeÆo da 85cc. Ele ainda nÆo sabe se ir  at‚ Indaiatuba assistir …s corridas da primeira etapa. “Vai dar ainda mais vontade de correr”, finalizou o garoto, com bom humor.

A prova de Indaiatuba costuma reunir, a cada temporada, um grande n£mero de competidores. Para esta edi‡Æo do Brasileiro, estÆo sendo esperados cerca de 350 pilotos de todo o pa¡s. A competi‡Æo ter  oito etapas, passando ainda pelos estados do Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Esp¡rito Santo, Paran , Santa Catarina e Rio de Janeiro.

Categorias – A novidade na temporada 2007 do Brasileiro ‚ a inclusÆo da categoria MxJr, direcionada a pilotos de 14 a 17 anos (motos acima de 100cc 2 Tempos ou 175cc 4 Tempos at‚ 125cc 2 Tempos a 250cc 4 Tempos). As outras classes da divisÆo de bas e foram mantidas: 65cc (2 Tempos), de 7 a 12 anos, e 85cc (acima de 70cc 2 Tempos ou 75cc 4 Tempos at‚ 85cc 2 Tempos ou 150cc 4 Tempos), de 11 a 14 anos.

Na MX2, os pilotos tˆm entre 15 e 45 anos com motos acima de 100cc 2 Tempos ou 175cc 4 Tempos at‚ 125cc 2 Tempos ou 250cc 4 Tempos. A MX1 inclui motos de 175cc 2 Tempos ou 290cc 4 Tempos at‚ 250cc 2 Tempos e 450cc 4 Tempos (faixa et ria de 16 a 45 anos). E, por fim, a MX3 ‚ direcionada a mulheres de 14 a 55 anos e a homens de 35 a 55 anos – motos de 100cc 2 Tempos ou 175cc 4 Tempos at‚ 250cc 2 Tempos ou 450cc 4 Tempos.