Foto: Balbi Júnior recebeu o convite da CBM pela escolha por critério técnico

Pilotos patrocinados pela Mormaii são convocados para Motocross das Nações

Foto: Balbi Júnior recebeu o convite da CBM pela escolha por critério técnico

Foto: Balbi Júnior recebeu o convite da CBM pela escolha por critério técnico

O catarinense Cristopher “Pipo” Castro e o mineiro Antônio Jorge Balbi Júnior, pilotos patrocinados pela Mormaii, garantiram suas vagas na seleção brasileira que representará o Brasil no Motocross das Nações em Denver, nos Estados Unidos, em 25 e 26 de setembro.

A convocação de Pipo Castro e Balbi foi anunciada por Alexandre Caravana, presidente da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM), no domingo, 15, em entrevista coletiva ao fim da quinta etapa do Brasileiro de Motocross, disputada em Canelinha, Santa Catarina.

Pipo Castro, melhor brasileiro na classificação da MX1 no campeonato nacional até a etapa catarinense, ficou com a primeira vaga na seleção. Balbi recebeu o convite da CBM pela escolha por critério técnico. O time brasileiro conta ainda com Marcello “Ratinho” Lima, melhor brasileiro na MX2, e Thales Vilardi, que será o piloto reserva.

O catarinense agradeceu o convite e garantiu que se esforçará ao máximo para ajudar a seleção brasileira em mais uma participação na principal prova do motocross mundial. “Quero agradecer esta oportunidade. Todo piloto sonha com isso. Vou dar o meu melhor e espero, junto com meus companheiros de seleção, trazer um resultado inédito para o Brasil”, garante o piloto.

Balbi Júnior, que se recupera de uma lesão, afirma que estará bem até a realização da competição, em pouco mais de um mês. “Para o Nações, não quero estar bem preparado como estava até me machucar, quero estar melhor ainda. Me fez bem esta pausa das corridas, me fez ficar ainda mais com vontade de correr”, declara Balbi.

Para Alexandre Caravana, esta será a melhor equipe brasileira que representará o Brasil no Motocross das Nações. Ele afirma que o critério de seleção baseado na classificação do campeonato nacional faz com que o time seja competitivo. “Será uma equipe realmente brasileira, em que cada piloto conquistou sua vaga no decorrer do campeonato. Por este motivo, acredito que teremos uma chance muito grande de conquistar bons resultados”, define Caravana.