Janio Rezende mora nos Estados Unidos. Veio especialmente para vencer o MXGO de Piranhas na MX4

Piranhas recebeu etapa do Goiano de Motocross

O pequeno município de Piranhas, com seus 12 mil habitantes e conhecido por revelar grandes nomes do motocross como Osmar “Baianinho” e Jairo “Crentinho”, recebeu a segunda etapa do Campeonato Goiano de Motocross. As corridas aconteceram no último final de semana e foram marcadas por bons pegas na pista montada no centro da cidade. Houve disputas em dez categorias, e a principal, a MX1, teve uma vitória tranquila de Wellington Garcia Matos. Em seguida, cruzaram a linha de chegada Lucas Fernando Bottcher Frazão e Kioman Navarro Muñoz.  A terceira etapa será realizada em Chapadão do Céu no próximo final de semana, dias 28 e 29, e a quarta uma semana depoi,s dias 04 e 05 de junho, em Corumbaíba.

Wellington Garcia Matos foi o melhor na MX1, em Piranhas

Wellington Garcia Matos foi o melhor na MX1, em Piranhas

Para Kurt Feichtenberger, vice-presidente, diretor de Motocross da Federeção de Motociclismo de Goiás e organizador do Campeonato Goiano, esta etapa veio confirmar o crescimento e consolidação do Campeonato. “Três Ranchos e Piranhas e que se continuarem assim teremos uma base bem solida para a continuidade deste crescimento, principalmente revelando novos valores que irão manter a tradição do estado com destaques em esporte motor”, destacou.

Na categoria Nacional B os melhores foram Jhonathan Lucio Freitas Sampaio, Gabriel Borges da Costa e Lucas Nedel, os três primeiros colocados.   Na MX 4, o piloto Jânio Jose Rezende, atualmente morando e correndo nos EUA, veio ao Brasil exclusivamente para participar desta prova em sua cidade natal e a venceu. Em segundo ficou Cleider Nascimento Junior, seguido de  Weiner das Neves Assis. Marcelo Henrique Benetti Barcelos, do Pará, foi o mais rápido na Estreantes, categoria que teve Kelvin Hiago Zanini e Matheus Filipe Martins de Lima como segundo e terceiro colocados, respectivamente.

A MX 3, categoria que abriu a programação oficial de domingo, viu a vitória de Wolney Ferreira de Lima, com Claudner Coelho da Rocha chegando em segundo e Kurt Rudolf Feichtenberger, como terceiro. Na Junior, vitória de Keven Willian Ikeda Ramos, com Marcelo Leodorico Fernandes e Thiago Alvarenga Nascimento completando a prova em seguida. Matheus Klysman de Oliveira venceu na MX2, categoria que guardou disputas ferrenhas pelo segundo lugar, que acabou ficando com Marcos Guilherme de Lima. Lucas Fernando Bottcher Frazão chegou em terceiro.

Os garotinhos das 50cc vieram para a briga como gente grande e tiveram como vencedor Felipe de Menezes Marques, com João Mauricio Torres em segundo e  Arthur Guimarães Gouveia chegando em terceiro. Na 65cc os primeiros colocados foram Marcelo Leodorico Fernandes, Alexandre Galdino Filho e Gregory Motta de Manaus, nesta ordem, Por fim, na categoria Intermediaria os pilotos largaram para muitas disputas que apresentaram como vencedor Henrique Oliveira Vinhal, seguido de Michael Pereira de Jesus e Maxwell Lourenço Leão Mesquita.

Janio Rezende mora nos Estados Unidos. Veio especialmente  para vencer o MXGO de Piranhas na MX4

Janio Rezende mora nos Estados Unidos. Veio especialmente para vencer o MXGO de Piranhas na MX4

A prova teve realização da Prefeitura Municipal e supervisão da Federação de Motociclismo de Goiás com organização do Moto Clube GP. A etapa tem o apoio de Pneus Rinaldi, Arruda Santos, IMS Racing, Motobel/Honda, Borilli Pneus, Circuit, Medcomerce, Mobil, Rapozão Racing, Cleidmar Racing, Moto Livre Shop, Raça Motos Racing, Fink Sistemas Automotivos, Colchões Nippon Ken, Morais Troféus, Proesporte, SEDUCE e Governo de Goias.

Separador_motos



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.