Pole dá boa oportunidade a Pedrosa para vencer mais um desafio

Pole dá boa oportunidade a Pedrosa para vencer mais um desafio

Pole dá boa oportunidade a Pedrosa para vencer mais um desafio

O piloto da Repsol Honda está apostado em vencer pela primeira vez na Classe Rainha dois Grandes Prémios consecutivos e conseguiu dar o primeiro passo para atingir esse objectivo ao assegurar a pole position para a corrida de domingo, em Misano.

Dani Pedrosa continuou este sábado em Misano a mostrar consistência, garantindo a pole position para o Gran Premio Aperol di San Marino e della Riviera di Rimini, com mais uma impressionante prestação.

O homem da Repsol Honda foi o único a rodar abaixo da marca de 1m34s neste fim-de-semana e está confiante à partida para a jornada de domingo, a 12ª corrida da época. Pedrosa procura também bater um recorde pessoal e conseguir pela primeira vez ganhar duas corridas de MotoGP consecutivas, depois de esta temporada já ter conseguido pela primeira vez chegar por três vezes ao mais alto do pódio.

“Estou muito contente por estar na pole position, porque fomos fortes durante os treinos e as coisas correram de acordo com o tínhamos planeado para este fim-de-semana”, disse o piloto de 24 anos, que assegurou hoje a quarta pole de 2010. “Estamos a fazer um trabalho muito bom neste momento, melhorando a cada jornada e agora temos a hipótese de fazer outra boa corrida. Nunca venci dois Grandes Prémios consecutivos e esse é um bom desafio para mim, quero mesmo consegui-lo”.

Pedrosa esteve envolvido numa grande luta pela pole position com o seu adversário e líder do Campeonato, Jorge Lorenzo, acabando por conseguir garantir a primeira posição da grelha.

“Hoje as coisas correram bem, especialmente porque foi uma sessão de qualificação muito renhida e, tal como disse ontem, era crucial estar na primeira linha da grelha para ter melhores hipóteses de chegar numa boa posição às primeiras corridas, porque elas são muito apertadas”, explicou Pedrosa. “É um circuito muito difícil e amanhã vai ser importante não cometer erros, especialmente nas travagens, para manter um bom ritmo durante toda a corrida. Penso que será muito complicado alguém conseguir ‘fugir’, mas vamos esperar e ver qual será a estratégia para a corrida”.

Pedrosa tem o triunfo nos seus horizontes, mas acrescentou: “Espero conseguir passar pelas primeiras curvas de forma limpa e depois temos simplesmente de nos esforçar muito para vencer. Temos uma boa oportunidade”.