triumph-tiger-800-2018-1

Preço da nova Triumph Tiger 800 parte de R$ 43 mil no Brasil

Nesta semana, a Trumph Motorcycles apresentou suas mais recentes armas no pujante segmento das bigtrails. Estamos falando das novas Triumph Tiger 800 e Tiger 1200, que foram renovadas no ano passado e chegam ao nosso mercado a partir de agora. Com os lançamentos, a marca atualiza seu lineup e reforça seu compromisso com o Brasil, assim como já havia feito com a linha de motocicletas clássicas, no início deste ano.

Com mais de 200 mudanças, a nova Triumph Tiger 800 enfim desembarca no Brasil. Preços variam de R$ 43,1 mil a R$ 58,8 mil

Com mais de 200 mudanças, a nova Triumph Tiger 800 enfim desembarca no Brasil. Preços variam de R$ 43,1 mil a R$ 58,8 mil

Com mais de 200 mudanças, especialmente relacionadas a componentes do motor, chassi e eletrônica, a Tiger 800 é vendida nas versões XR (R$ 43.190,00), XRx (R$ 48.890,00), XRx low seat (R$ 48.890,00), XCx (R$ 51.390,00), XRt (R$ 54.890,00) e XCa (R$ 55.890,00). Já a Tiger 1200, está disponível nos modelos XR (R$ 60.090,00), XCx (R$ 73.190,00) e XCa (R$ 83.490,00). Estes são os preços sugeridos e não incluem despesas extras. Segundo a Fenabrave, a família Triumph (somando os modelos 800 e 1200, bem como suas respectivas versões) emplacou 5.407 unidades nos últimos dois anos, 2016 e 2017.

Tanto a Tiger 800 quanto a Tiger 1200 estão mais 'off-road' e passam a contar com o novo modo de pilotagem Off-Road Pro, que pode desligar todos os sistemas eletrônicos de auxílio de condução

Tanto a Tiger 800 quanto a Tiger 1200 estão mais ‘off-road’ e passam a contar com o novo modo de pilotagem Off-Road Pro, que pode desligar todos os sistemas eletrônicos de auxílio de condução

Triumph Tiger 800 com novos recursos eletrônicos e ‘mais off-road’

Melhoras no motor, relação de marchas, eletrônica, suspensões, ergonomia, ciclística. Isso é o que a Triumph garante a respeito da nova geração da Tiger 800, que recebeu novidades ‘importantes na sua capacidade off-road e no conforto em qualquer tipo de piso’, afirma. Na prática, o motor tricilíndrico (de 800 cm³) confere mais entregas mais imediatas e o pico de potência segue nos 95 cv, mas um novo (e mais leve) escapamento lhe garante sonoridade mais esportiva. Além disso, o conjunto trabalha com nova relação de marchas que oferece uma primeira mais curta para aumentar a tração off-road e a resposta de baixa velocidade em qualquer piso. Também há um novo modo de pilotagem para terra, o “Off-Road Pro”, que possibilita, por exemplo, desligar os sistemas eletrônicos de auxílio e ficar totalmente no comando da motocicleta.

Freios Brembo, suspensão Showa ajustável, modos de pilotagem, controle de tração, acelerador eletrônico, piloto automático e assentos e manoplas aquecidas... estes são alguns dos itens que equipam as novas Triumph Tiger 800

Freios Brembo, suspensão Showa ajustável, modos de pilotagem, controle de tração, acelerador eletrônico, piloto automático e assentos e manoplas aquecidas… estes são alguns dos itens que equipam as novas Triumph Tiger 800

Na ciclística, há novidades na incorporação de freios dianteiros Brembo, suspensão Showa ajustável e recuo do guidão em 10 mm, para garantir uma posição de pilotagem com melhor ergonomia, além das próprias mudanças no chassi. No modelo, existem duas opções de altura do assento (810-830 mm nos modelos XR, 840-860 mm nos modelos XC), ajustáveis em 20 mm para adaptar-se ao estilo de pilotagem e terreno. Há, ainda, a Tiger 800 XRx low seat, com altura baixa da suspensão que, a 760 mm, é 50 mm mais baixa que as demais Tiger 800 XR.

Freio dianteiro com disco duplo Brembo

Freio dianteiro com disco duplo Brembo

Os recursos eletrônicos, além do já citado novo modo de pilotagem, ficam a cargo de elementos como freios ABS, controle de tração, acelerador eletrônico, piloto automático e assentos e manoplas aquecidas – já conhecidos no modelo. Mas há novidades. Agora, os punhos acoplados ao guidão incorporam botões com iluminação de fundo, há display TFT colorido, o conjunto de iluminação do modelo é totalmente em LED e o piloto automático foi atualizado. Além disso, há o novo para-brisa é ajustável manualmente em até cinco posições.

A nova Tiger 800 chega ao Brasil com as opções de cores: XR (branca e preta – Jet Black e Crystal White), XRx (branca, preta e azul – Crystal White, Matt Black e Luceine Blue), XRx low seat (branca, preta e azul – Crystal White, Matt Black e Luceine Blue), XCx (preta, branca, azul e verde – Jet Black, Crystal White, Luceine Blue e Matt Khaki Green), XRt (azul – Cobalt Blue) e XCa (vermelha e verde – Korosi Red e Marine). A Triumph também oferece uma lista com mais de 50 acessórios opcionais para personalização do modelo.

Mais leve, Tiger 1200 gera 141 cv de potência máxima

A Triumph não poupou elogios para ao apresentar a nova Tiger 1200. Para a marca, ‘o modelo combina o prazer máximo na estrada com a confiança completa fora dela’ e se trata de uma moto “tão avançada que seu desenvolvimento levou quatro anos. Hoje temos orgulho de lançar uma família de motocicletas que conta com recursos do motor entre os melhores da categoria, inovações tecnológicas voltadas para o piloto e estilo superior, tudo em nome do maior prazer de pilotar. Estas são, de longe, as Tigers mais prontas para a aventura já construídas”, garante o general manager da Triumph, Waldyr Ferreira.

Tiger 1200 fez uma dieta de 10kg e amplificou a potência de seu generoso motor tricilíndrico de 141cv

Tiger 1200 fez uma dieta de 10kg e amplificou a potência de seu generoso motor tricilíndrico de 141cv

Novo conjunto de iluminação em LED

Novo conjunto de iluminação em LED

O motor de 141 cv recebeu atualização e passou a oferecer mais potência em baixas rotações, atuando em conjunto com uma redução de 10 kg da moto, obtida através de alterações no próprio motor, quadro e escapamento. Além de uma motocicleta mais ágil, tanto para o off-road quanto para uso rodoviário, o novo conjunto também potencializa os resultados de potência e torque do modelo e, segundo a marca, garante ‘um grande intervalo de manutenção de 16.000 quilômetros’.

Os modelos XRt e XCa incluem sistema de iluminação adaptável às curvas, oferecendo maior visibilidade ativa ao esterçar e inclinar a moto. Além disso, a Tiger 1200 também teve seu piloto automático atualizado, dispõe de tela ajustável com display TFT colorido, possuis novos interruptores com design ergonômico e iluminação de fundo e manoplas com aquecimento. O sistema assistente para mudanças de marcha sem a embreagem (tanto para aumentar quanto diminuir a marcha) também foi renovado, e agora há opção de ignição sem chave “amigável ao piloto” nos modelos XCx e XCa e novo modo de pilotagem “Off-Road Pro” – também na XCx e XCa.

Aventureira. Para a Triumph, 'estas são, de longe, as Tigers mais prontas para a aventura já construídas'

Aventureira. Para a Triumph, ‘estas são, de longe, as Tigers mais prontas para a aventura já construídas’

Novo display TFT

Novo display TFT

O visual do modelo é beneficiado pela nova carenagem, rodas, emblemas metálicos e sistema de iluminação em LED. O acabamento também inclui proteções do motor com pintura que contrasta com as carcaças de efeito enrugado e o quadro de titânio com cobertura colorida em pó. A moto está disponível com as opções de cores: XR (branca e preta – Crystal White e Jet Black), XCx (branca, preta e verde – Crystal White, Jet Black e Matt Khaki Green) e XCa (branca e verde – Crystal White e Marine).

separador_triumph



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.