Pro Tork Racing Team pronta para o Brasileiro

SÆo Paulo (SP) – A Pro Tork Racing Team est  pronta para encarar a quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross. O time paranaense vai para Cachoeiro de Itapemirim, no Esp¡rito Santo, motivado com a seqˆncia de resultados nos regionais e com a lideran‡a de Endrews Armstrong na categoria 65cc. Al‚m disso, a prova ter  novidades: a estr‚ia da parceria Pro Tork/Suzuki e a piloto J‚ssica Michely como integrante da equipe na 85cc. O evento tem como palco a pista do Motopark Brasil.

Paulinho Stedile, coordenador t‚cnico da Pro Tork Racing Team, d  uma dica sobre o que a equipe vai buscar neste final de semana. “As novas motocicletas j  nos deram resultados excelentes no Paranaense e no Arena Cross e a nossa expectativa para esta etapa do Esp¡rito Santo ‚ a melhor poss¡vel”, comentou. O acordo de fornecimento de motos com a Suzuki vai at‚ o final desta temporada. “Tenho certeza de que esta parceria nos trar  bons resultados”, completou.

O time paranense conta com representantes em todas as categorias do Brasileiro. Na MX1, a Pro Tork ter  Massoud Nassar, hexacampeÆo nacional, o paraguaio Adrian Cantero e o catarinense Christopher “Pipo” Castro (piloto patrocinado pela marca). “J  venci nesta pista algumas vezes e quero estar entre os trˆs melhores”, contou Nassar, mineiro de 30 anos.

Os paranaenses Jean Ramos e Kurtt Rocha encaram o desafio na MX2 – ao contr rio de Rafael Zenni, que continua se recuperando de uma fratura no bra‡o. “Em Cachoeiro, o preparo f¡sico conta muito porque o calor desgasta demais. Estou preparado e quero outro p¢dio”, anunciou Kurrt, terceiro colocado na £ltima etapa.

Na MX3, Nico Rocha representa a Pro Tork e ‚ o vice-l¡der, atr s de Milton “Chumbinho” Becker. “Quero subir mais uma vez no p¢dio para me manter na briga e nÆo distanciar muito do Chumbinho”, contou o piloto de Londrina (PR), de 37 anos. “A pista de Cachoeiro ‚ uma das mais bonitas do circuito e atrai um p£blico muito legal”, completou.

Na 85cc, a equipe ter  uma estr‚ia e um desfalque. A novidade fica por conta de J‚ssica Michely, de 14 anos. A piloto paranaense est  animada pela estr‚ia. “Ser  a primeira vez que corro em Cachoeiro de Itapemirim e espero fazer bonito, pois agora minha responsabilidade est  maior”, explicou a paranaense. Gabriel Zenni ser  a ausˆncia na etapa.

L¡der – O paranaense Endrews Armstrong, de 11 anos, vem sendo o destaque da equipe preta e amarela na temporada. O garoto ‚ l¡der da 65cc com 32 pontos e quer ampliar sua vantagem na briga pelo t¡tulo. “Venci em Cachoeiro no ano passado.  uma pista de alta, que gosto muito e sei que vou me dar bem”, explicou. Ele ter  a companhia de Eduardo Rudnick, tamb‚m de 11 anos. “Estou melhorando a cada prova e quero chegar no p¢dio neste domingo”, disse Rudnick.