Setor de duas rodas continua lutando contra a crise

Produção de motocicletas cresce em agosto, vendas não

Produção maior

Produção foi maior

A produção de motocicletas em agosto totalizou 157.479 unidades, correspondendo a um crescimento de 37,7% em relação a julho, quando o setor teve férias coletivas parciais e fabricou 114.350 unidades. As vendas no atacado acompanharam este movimento, ficando 22,3% acima do volume comercializado no mês anterior, com 129.065 ante 105.490 unidades, de acordo com dados divulgados pela ABRACICLO – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.

As vendas na América Latina apresentaram o maior crescimento percentual

As vendas na América Latina apresentaram o maior crescimento percentual

Em contrapartida, na comparação de agosto passado com o mesmo mês de 2012, a produção de motocicletas recuou 11,6% e as vendas no atacado tiveram queda de 24,5%. No varejo, foram comercializadas 129.050 motocicletas em agosto contra 134.193 do mês anterior, correspondendo a uma redução de 3,4%. Esse recuo, no entanto, também deve considerar que em agosto houve um dia de vendas a menos em relação a julho (23 dias úteis). No comparativo de agosto deste ano com o mesmo mês de 2012, a retração chegou a 8,2%. No acumulado de janeiro a agosto os emplacamentos de motocicletas totalizaram 1.011.528 unidades, volume 10,3% inferior ao de igual período do ano passado (1.127.622 unidades), conforme dados do Renavam (Denatran).

“O segmento de motocicletas começou o segundo semestre com números aquém das expectativas e, embora já não ocorram quedas de um mês para outro, os volumes comercializados não evoluíram como se esperava. Caso não ocorra uma mudança nesta situação, as montadoras enfrentarão dificuldades até o final do ano”, diz Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo.

“Historicamente, no entanto, o segundo semestre costuma contar com negócios mais aquecidos, sobretudo neste ano em que alguns atrativos podem estimular o setor, como o lançamento de novos modelos, campanhas de marketing e a realização do Salão Duas Rodas, em outubro, em São Paulo”, complementa o dirigente.

Em relação às exportações, os resultados de agosto mostraram que os negócios do setor prosseguem em recuperação. Na comparação com julho, as exportações cresceram 45,7%, passando de 9.566 para 13.941 motocicletas. Sobre agosto de 2012, a evolução foi de 7,4%. O total acumulado de janeiro a agosto atingiu 68.453 unidades, volume superior apenas 0,6% diante do mesmo período de 2012 (68.063 unidades).