logo-abraciclo

Produção e vendas de motocicletas permanecem em queda

Levantamento realizado pela ABRACICLO – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares aponta que o segmento de motocicletas permanece em queda, em relação aos índices registrados em 2011. Para a entidade, a maior seletividade por parte das instituições financeiras na oferta de crédito ao consumidor tem sido um dos principais fatores de agravamento da retração no Setor de Duas Rodas.

Dados da entidade confirmam a retração dos negócios no varejo. No acumulado de janeiro a setembro deste ano, foram licenciadas 1.242.891 motocicletas, correspondendo a uma queda de 13,3% em relação a igual período de 2011, quando foram emplacados 1.434.322 veículos. Ao comparar as vendas de setembro de 2012 com o mesmo mês do ano passado, a redução foi de 33,9%, com 115.269 unidades contra 174.487. Em relação a agosto, quando foram emplacadas 140.620 motocicletas, houve recuo de 18%.

Com a essa redução significativa nas vendas ao consumidor final, a produção e as vendas no atacado também retraíram substancialmente. De janeiro a setembro, foram produzidas 1.352.751 unidades, contra 1.644.099 unidades de igual período de 2011, registrando uma queda de 17,7%. Na comparação entre setembro deste ano e o mesmo mês de 2011, a retração foi de 30,2%, com 130.940 motocicletas ante 187.475. A produção mensal foi 26,5% inferior à de agosto, com 178.084 unidades.

As vendas no atacado, no acumulado do ano, ficaram 18,5% abaixo das registradas em igual período de 2011, com 1.283.929 motocicletas contra 1.576.114. Entre setembro de 2012 e o mesmo mês do ano passado, a redução foi de 27,4%, totalizando 129.011 unidades ante 177.668 unidades. Se comparado a agosto, quando foram comercializadas 170.868 motocicletas, o volume de vendas de setembro foi 24,5% menor.

“A Caixa Econômica Federal e o Banco PanAmericano acabam de anunciar uma parceria para oferecer uma linha de crédito específica para compradores de motocicletas, denominada ‘Melhor de Moto Nova’, conforme matéria publicada recentemente pelo Portal Motonline que pode ser relembrada clicando aqui.