Foto: Husqvarna TE 510 Dual

Puro sangue amansado

Foto: Husqvarna TE 510 Dual

Foto: Husqvarna TE 510 Dual

Feita especialmente para o mercado brasileiro, a Husqvarna TE510 Dual pode rodar tanto no asfalto e como tamb‚m por estradas de terra

TE510 Dual. Este ‚ o modelo que ter  a missÆo de ampliar a participa‡Æo da Husqvarna no mercado de motos de uso misto acima de 500 cilindradas no Pa¡s. Nicho pouco explorado pelos fabricantes e importadores, a TE 510 Dual foi criada exclusivamente para o moto-aventureiro brasileiro e tem como base a TE 510, uma autˆntica off-road utilizada em provas de enduro. Para deixar Dual com cara de moto de rua e, consequentemente poder ser emplacada, foram feitas algumas adapta‡äes na “puro sangue” de competi‡Æo. A nova versÆo ganhou banco mais largo, farol, piscas e lanterna; pneus de uso misto e rela‡Æo mais longa. Al‚m disso, as suspensäes foram recalibradas. Todas as adapta‡äes foram pensadas e realizadas no Brasil em testes dinƒmicos e passagens pelo dinam“metro.

A Husqvarna TE 510 Dual nÆo ‚ uma moto para longas viagens, muito pelo contr rio. Por‚m pode encarar qualquer tipo de aventura, mesmo que tiver de se deslocar por trilhas mais fechadas. A moto est  equipada com o mesmo motor “nervoso” de sua irmÆ, ou seja, um monocil¡ndrico de 501 cm3, quatro tempos, cƒmbio de seis marchas e embreagem de acionamento hidr ulico. O propulsor tem bastante torque em baixas e m‚dias rota‡äes, al‚m de despejar potˆncia de forma linear. Traduzindo: a moto tem muita for‡a nas largadas. J  para alcan‡ar velocidade de cruzeiro com regime de rota‡Æo mais baixo foi adaptada uma rela‡Æo mais “longa”.
Em fun‡Æo de equipar uma autˆntica off-road, o motor da TE 510 Dual ‚ transmite muita vibra‡Æo para ao piloto. O dif¡cil saber ‚ o comportamento desta moto “racing” numa situa‡Æo de trƒnsito carregado e trafegando pelos corredores estreitos dos grandes centros.

Puro sangue amansadoSUSPENSÇO E TRANSMISSÇO
Para copiar bem as irregularidades do piso – seja na terra ou no asfalto – a Husqvarna Dual utiliza suspensÆo dianteira invertida Marzocchi, que foi “rebaixada” em 30 mm. O acerto aumentou o ƒngulo de c ster (para evitar que a moto empine) e tamb‚m diminuiu a distƒncia em rela‡Æo ao solo. J  na traseira, h  um monoamortecedor Sachs instalado em uma balan‡a de alum¡nio. Para completar, o modelo usa freios a disco da grife italiana Brembo e rodas de alum¡nio.

Para o uso urbano, os pneus Michelin Enduro Competition foram substitu¡dos pelos Pirelli MT 60 (dianteiro de 90/90-21 mm e traseiro de 120/80-18 mm). A rela‡Æo secund ria tamb‚m foi trocada. Agora a TE 510 Dual usa um pinhÆo de 14 dentes e coroa de 42 dentes – contra pinhÆo 13 e coroa 50, da TE 510 – para garantir uma maior velocidade final … motocicleta, al‚m de uma velocidade de cruzeiro em uma rota‡Æo menor. Economizando assim combust¡vel e diminuindo a vibra‡Æo transmitida ao motociclista – o que, diga-se de passagem, pareceu nÆo ter surtido muito efeito nesse primeiro contato com a moto. Ela vibra muito.

Para Celso Renato, chefe da equipe de competi‡äes off-road do Grupo Izzo, a TE 510 Dual ‚ uma moto divertida, leve – 113,8 kg – e equilibrada. “Ideal para motociclistas mais experientes que tem afinidades com a pr tica do off-road, mas tamb‚m querem rodar por estradas asfaltadas”.

Guardando as devidas propor‡äes – faixa de cilindrada, tipo de uso, estilo de pilotagem e pre‡o – , a TE 510 Dual (R$ 31.400,00) deve brigar pela mesma fatia de mercado dominado pela XT 660R (R$ 24.500,00). Nesta categoria aparece tamb‚m a rec‚m-lan‡ada BMW X Challenge (R$ 39.900,00).

Ficha T‚cnica – HUSQVARNA TE 510 DUAL
Motor: 4T, um cilindro, comando duplo no cabe‡ote (DOHC) e refrigera‡Æo l¡quida
Capacidade c£bica: 501 cmü
Potˆncia m xima: 53 cv (rota‡Æo nÆo dispon¡vel)
Torque m ximo: n.d. / Cƒmbio: 6 velocidades
TransmissÆo final: corrente
Alimenta‡Æo: Carburador Keihin 41mm
Partida: El‚trica / Quadro: Tubular de a‡o
SuspensÆo dianteira: Garfo telesc¢pico invertido Marzocchi de 50 mm, com ajustes de compressÆo e retorno
SuspensÆo traseira: Balan‡a de alum¡nio com mono amortecedor Sachs, com ajustes de pr‚-carga , compressÆo e retorno
Freio dianteiro: Disco flutuante de 260 mm e pin‡a Brembo de dois pistäes.
Freio traseiro: Disco flutuante de 240 mm e pin‡a Brembo de um pistÆo
Pneu dianteiro: 90/90- 21 – Pirelli MT 60 / Pneu traseiro: 120/80 -18 – Pirelli MT 60
Comprimento total: 2212 mm / Distƒncia entre eixos: 1495 mm / Altura do assento: 980 mm
Peso seco: 113,8 kg / Tanque de combust¡vel: 9,2 litros
Cores: Branca/vermelha
Garantia 2 anos, sem limite de quilometragem
Pre‡o R$ 31.400,00