mestre-das-motos-glauco-garcia6

Quer abrir uma oficina? Aprenda com o Mestre das Motos

INFORME PUBLICITÁRIO

O espírito empreendedor do brasileiro é algo reconhecido, de áreas como a metalúrgica ao turismo, da construção de aviões a agricultura. Como se não bastasse essa tendência quase natural, em tempos de crise o desejo de ter o próprio negócio aflora, surgindo como uma alternativa de obter mais dinheiro e liberdade no trabalho – além daquela sensação de ser dono do próprio nariz.

Para se ter uma dimensão do cenário, segundo uma pesquisa realizada pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) dois em cada três jovens (dos 25 aos 30 anos) quer ter sua própria empresa. Mas para entrar no mercado como mais um CNPJ é preciso, sobretudo, capacitação – e com uma oficina mecânica de motos não é diferente.

Com sete anos no mercado, Escola Mestre das Motos é referência quando o assunto é qualificação de mão de obra

Com sete anos no mercado, Escola Mestre das Motos é referência quando o assunto é qualificação de mão de obra

É a capacitação que lhe dará a certeza de estar apto a compreender qualquer problema e encontrar as melhores soluções nas demandas do trabalho. Ou, em outros termos, é ela que garantirá qualidade em seu trabalho… a boa e velha qualidade e confiança que todos os consumidores buscam, independente do serviço em questão. Também é durante o processo de buscar qualificação que as aptidões de cada profissional se tornarão mais claras, facilitando o processo de saber em qual área se especializar (injeção, oficina monomarca, suspensão, preparação para competições, etc).

No mercado há mais de sete anos, a escola Mestre das Motos tornou-se uma instituição de ensino respeitada no setor de motocicletas, que contabiliza mais de 3.500 alunos que já passaram por seus oito diferentes cursos, além de aulas particulares e cursos online. Na lista de qualificações proporcionadas, destaque para os cursos voltados à injeção eletrônica, preparação de motores e especialização em motos BMW, além do curso de mecânica básica, responsável pelo maior número de alunos.

Nova unidade em Santo André

Com a inauguração da sua quarta unidade no próximo dia 5 de fevereiro, a Escola Mestre das Motos passa a atender uma das regiões com maior concentração de uso de motocicletas na Grande São Paulo e que, portanto, tem grande potencial para bons serviços para motocicletas. Localizada na Rua Londres, 699, em Santo André (SP), a nova unidade oferece os mesmos cursos e a mesma competência para formar profissionais que todas as outras unidades já existentes, em Itaquaquecetuba (SP), Jundiaí (SP) e a sede na região da Saúde, na zona Sul de São Paulo.

O empreendimento é comandado por Fabio Luiz na parte técnica e pela esposa, Patrícia, que é a gestora do negócio, sempre atenta às necessidades do mercado. A própria experiência do casal com a Escola é um exemplo de sucesso no ramo e essa experiência é compartilhada com os alunos. “Não são poucos os casos de sucesso de alunos que buscaram uma formação básica na nossa escola e hoje, após passarem por vários cursos, atendem clientes em suas oficinas em diferentes cidades de todo o Brasil”, fala Fábio enquanto nos mostra uma lista de alunos que estão estabelecidos e fazendo sucesso.

“Temos muito orgulho do sucesso de nossos ex-alunos”, complementa Fábio, que ainda mantém um serviço de suporte aos novos profissionais chamado de Mestre Help, “para não deixar ninguém em apuros”, complementa. Caso queira mais informações, basta ligar para (11) 2275-2039, adicionar no WhatsApp (11) 96046-8869 ou entrar no site www.mestredasmotos.com.br.

Quer abrir sua oficina de motos? Saiba que, de mecânica básica à especialização em virabrequim, a Mestre das Motos usa as melhores técnicas e equipamentos com suas turmas

Quer abrir sua oficina de motos? Saiba que, de mecânica básica à especialização em virabrequim, a Mestre das Motos usa as melhores técnicas e equipamentos com suas turmas

Escola Mestre das Motos: conquiste sua independência

Confira a seguir alguns casos reais de alunos que conquistaram seu espaço após estudarem e adquirirem novos conhecimentos na Escola Mestre das Motos. Claro, só o conhecimento não adiantaria de nada se o espírito empreendedor e a vontade de conquistar sua própria independência não estivesse presente. Confira com era a vida de cada uma antes e depois da Mestre das Motos!

Denilson Aparecido Barreto

Oficina Mecânica: Garage Motorcycle, na Vila Formosa, zona Leste de São Paulo.

ANTES
Denilson é técnico em segurança do trabalho e atuava na área, mas sempre teve muito interesse pela área de mecânica e dava lá suas mexidas na própria moto e na moto dos amigos. Então procurou o curso pelo interesse e já pensando em montar um negócio próprio na área. Fez o curso de mecânica básica em 2016, cursou também injeção eletrônica, especialização em BMW e fará o de especialização em Harley-Davidson no próximo ano.

DEPOIS
“Agora é o início de um projeto e de um sonho. A semente está plantada, mas tem que ter muito cuidado e muito a aprender para crescer cada vez mais. Há projetos já para expansão, tanto estrutura quanto como negócio”, destaca. Está satisfeito com o que tem conquistado e com as possibilidades para o futuro. “A Escola ajudou muito, pois sem o curso, não teria feito metade do que já fiz. Tudo o que se faz, tem que aprender a fazer bem feito, com profissionais”, conclui.

Glauco Garcia

Oficina Mecânica Mig1300 Engenharia de Motos Multimarca , em Taubaté (SP), no Vale do Paraíba.

ANTES
Engenheiro mecânico, glauco trabalhava em uma empresa importadora de maquinário siderúrgico como engenheiro de campo, com instalação e manutenção. Desde os 13 anos gosta de motos e ficava “fuçando” nas motos que tinha acesso. Procurou o curso de mecânica para motocicletas para, além de ter o diploma, tentar sair do que já estava fazendo, procurando novos horizontes e novas oportunidades de trabalhar com prazer. Fez os cursos de mecânica, injeção eletrônica, virabrequim e análise de pistão e cilindro, concluindo os cursos em setembro de 2015 para, dois meses depois, inaugurar sua própria oficina.

DEPOIS
O trabalho, o status, o emprego e a remuneração, tudo muito bom, mas faltava estar satisfeito e feliz com o trabalho. Em suma, muito dinheiro e pouca satisfação. Hoje, dinheiro suficiente e grande satisfação pessoal e profissional. Como engenheiro, ele consegue construir um motor, por exemplo. “Mas a manutenção, a aplicação e particularidades práticas que são mostradas no curso pelos instrutores da Escola exigem outro tipo de conhecimento técnico e são bastante diferentes”, explica.

Rogério Andrade Torres

Franquia de Motopeças em Águas Claras, no Distrito Federal, perto de Brasília.

ANTES
Rogério era um motociclista comum, desses que nunca tinham colocado a mão na graxa nem se envolvido com questões mecânicas. Trabalhava como consultor de vendas corporativas ao governo e se sentia saturado profissionalmente. Por isso decidiu que queria gerir um negócio próprio, preferencialmente com motos, que sempre foi uma paixão. Foi de Brasília a São Paulo e fez os cursos de mecânica e injeção eletrônica, em 2015. Voltou para em 2016 abrir sua própria loja.

DEPOIS
Pelo aspecto financeiro, não viu muitas mudanças em sua vida, mas a satisfação pessoal e profissional é o mais importante. Hoje diz que faz uma coisa que gosta muito e se sente mais realizado, principalmente após deixar um emprego que ia muitas vezes contra seus princípios morais e éticos. Ao conhecimento de gestão de negócios Rogério acrescentou o conhecimento técnico que a Escola Mestre das Motos lhe ofereceu e essa bagagem lhe possibilitou não apenas entender do ramo, como também contratar melhores mecânicos e atender melhor seus clientes.

Eduardo Erlea

Oficina de Customização e Restauração Diferentes Mentes, no Brooklin, em São Paulo.

ANTES
Eduardo trabalhava com áudio visual, mas já tinha o sonho de customizar e restaurar motos. Cursou Mecânica Completa e Injeção Eletrônica na Escola Mestre das Motos, formando-se em outubro de 2013. Procurou o Curso porque queria ingressar neste segmento e ter conhecimento técnico necessário. Acredita que é fundamental este conhecimento para realização de um bom trabalho.

DEPOIS
Montou sua loja em 2017 e contou com a presença dos professores e amigos da Escola Mestre das Motos na sua inauguração. Ele conta que a realização deste projeto foi a união de prazer e sustento, pois todos os dias sai de casa feliz para o trabalho. Se sente muito realizado profissionalmente e diz que foi na Escola que adquiriu conhecimento completo e segurança para abrir sua própria oficina. Lembra, ainda, que os primeiros trabalhos foram realizados dentro da própria Escola.

Marcelo Girardi Medeiros

Oficina de Reparação em São Caetano do Sul, na região do Grande ABC paulista.

ANTES
Exercia a profissão de orçamentista gráfico e por paixão procurava um curso de mecânica de motos que não fosse engessado e tivesse foco na prática. Em conversa com amigos e conhecidos, recebeu a indicação da Escola Mestre das Motos. Acreditava que a 1ª formação era como de um técnico automobilístico, que seria necessária uma boa vivência na prática. Decidiu cursar Mecânica e Injeção Eletrônica, formando-se em outubro de 2014.

DEPOIS
Antes fazia tudo na tentativa e erro e após o curso adquiriu conhecimento e segurança suficientes para ingressar no mercado. Diz que a Escola o ajudou muito nesta realização, pois o que no início era apenas um hobby, logo durante o curso mudou seu pensamento, fazendo-o ganhar confiança para ingressar na área. Afirma, também, que o Curso o ajudou a planejar as etapas da reparação e até mesmo na construção física e na logística da sua oficina. Ele está atuando neste segmento há quase 3 anos.

Erick Pinaffi Gueiros Miranda

Oficina de Customização CHOPPER HALL, na Barra Funda, em São Paulo

ANTES
Como engenheiro elétrico Erick não se sentia realizado, apesar de atuar na área que havia estudado. Percebeu que deveria procurar uma profissão que lhe deixasse feliz, não só do ponto de vista financeiro. Ele tinha o hobby de mexer com motocicletas e pesquisou sobre curso de Mecânica e encontrou a Escola. Cursou Mecânica Completa em 2014.

DEPOIS
Já confiante montou sua oficina em 2014, logo após concluir o curso. Em 2017 continuou avançando e mudou sua oficina para uma sede maior. Atualmente está bastante satisfeito em sua vida profissional, pois trabalha com o que gosta de fazer: “Trabalho de domingo a domingo e sou muito feliz por isso. A Escola teve uma participação muito importante, pois adquiri conhecimentos e aprendi macetes para fazer um serviço bem feito”, garante.

Kenan de Souza Pinto

Oficina Mecânica e Motopeças RK Motos, em Americanópolis, em São Paulo.

 

Kenan auxiliava no depósito de material de construção de sua família, mas sempre gostou muito de motos e quer construir uma carreira trabalhando com isso. Por isso procurou a Escola e decidiu estudar para começar sua carreira. Assim que iniciou o curso de mecânica na Escola, montou a loja com seu sócio que já é da área. Em dezembro de 2017 terminou a primeira parte e pretende seguir estudando e fazer outros cursos de especialização. “A Escola abriu muito minha mente quanto ao mundo da mecânica e das motocicletas. Sem o curso, não teria como começar meu negócio. A equipe tem passado todo o conhecimento técnico e sua aplicação de forma correta, o que, com certeza, vai me ajudar a oferecer o melhor serviço”, afirma.

Silvio Cesar Macedo

Oficina e Motopeças SP Center Motos Ltda, no centro de Jundiaí, interior de São Paulo.

ANTES
Costumava mexer em sua própria moto e nas dos amigos em casa. Profissionalmente, antes de abrir sua loja, era professor universitário e gestor na área de logística. Procurou o curso pois tinha uma meta de abrir seu próprio negócio. Seu sonho antigo era ter sua oficina e loja. Um conhecido indicou o curso de mecânica na Escola Mestre das Motos e escolheu por fazê-lo para se aprimorar, pois agora não seria apenas a moto de amigos, mas de muitas outras pessoas.

DEPOIS
Concluiu o curso de mecânica geral há dois anos e meio e uniu com seu conhecimento na área de gestão administrativa e também como professor para dedicar-se apenas ao negócio próprio. Nele atua não só como gestor, mas também como mecânico. Conseguiu unir as duas paixões e o conhecimento que adquiriu nas duas áreas de atuação ao abrir sua loja em julho de 2015.

Kleber Fabiano dos Santos

Oficina especializada em Retífic, no Jardim Oriente, em São José dos Campos, Vale do Paraíba, interior de São Paulo.

ANTES
Um história cheia de viradas acompanha Kleber. De mecânico ferramenteiro ele virou bailarino e chegou a trabalhar com artistas como o cantor Daniel e também dupla Chitãozinho e Chororó. Mas como esta carreira não costuma ser longa, ao se aposentar retomou sua profissão inicial e foi atrás de seus sonhos. Sempre apaixonado por motos, chegou à Escola após pesquisar algumas instituições em São Paulo e não teve dúvida que esta seria sua melhor opção. Já tinha até poupado um capital para investir numa academia de dança, mas decidiu pela mecânica de motos.

DEPOIS
Cursou Retífica, Mecânica e Injeção Eletrônica se formando em 2013. Inaugurou sua oficina em 2014 e hoje conta que está feliz, mas ainda quer muito mais e pretende expandir seu negócio. “A crise não me abateu nem financeiramente e nem emocionalmente. Conquistei um espaço respeitado na minha região, pois sempre prezei por um atendimento diferenciado e serviço de altíssima qualidade. A Escola me ajudou muito, inclusive a abrir um leque de amplas opções no meu negócio”, enfatiza o empreendedor.

Separador_motos