Quinta vitória deixa Rossi com 50 pontos de vantagem

Quinta vitória deixa Rossi com 50 pontos de vantagem

Quinta vitória deixa Rossi com 50 pontos de vantagem

Valentino Rossi continua sua caminhada para o campeonato, vencendo após a queda do rival mais próximo Casey Stoner na sétima volta.

Rossi, que largou em segundo, perdeu algum tempo na primera curva sendo ultrapassado por John Hopkin. Parecia que Stoner iria despontar, mas o italiano achou seu rítmo e ganhou tempo gradualmente, quando o Australiano deslisou para o cascalho. Valentino cruzou a linha de chegada em primeiro com 15 segundos sobre Toni Elias.

Rossi tem 50 pontos sobre Stoner e 65 sobre Pedrosa, Lorenzo está em quarto.

Valentino Rossi – Posição: 1 Tempo: 43`28.841 “Eu estava confiante porque minha moto estava rápida nos treionos de sexta, e com uma pequena modificação na frente da moto consegui andar mais rápido em alguns pontos da pista. No início fui ultrapassado por Hopkins e Casey estava muito rápido. Eu graduamente fui me concentrado e a melhorando meus tempos. Comecei a chegar cada vez mais perto e Stoner deve ter forçado e cometido um erro. Seria uma grande batalha, quando eu vi a moto deslizando para fora da pista nem pude acreditar – isso facilitou muito minha corrida. Meu conjunto funcinou bem até o final da corrida. Sei que 50 pontos não são o bastante e conheço a força de Casey, então não vou relaxar. ”

Davide Brivio – Chefe de equipe – “Essa vitória foi muito importante e estamos satisfeitos. Está claro que Valentino fez um bom trabalho, Stoner andou muito bem mas teve a queda. Vamos manter a nossa concentração temos corridas pela frente e estamos em ótima forma.

Lorenzo fica em 10º – Jorge Lorenzo terminou em décimo na corrida, sete posições sobre sua posição de largada. O Espanhol usou toda habilidade nas ultrapassagens, incluindo duas na última volta. Agora ele está em quarto no campeonato. Lorenzo passou Colin Edwards e encontrou seu rítmo passando James Toseland, Pedrosa e outros. Na última volta passou ainda Sylvain Guintoli e John Hopkins.

Jorge Lorenzo – Posição 10º Tempo: +39.573
“A corrida foi um pouco triste porque eu tinha potencial para muito mais. Contudo consideranto todos os problemas que eu tive, creio que fiz o que pude. Na largada eu não queria correr muitos riscos. O pneu da frente estava ruim,porém o traseiro parecia melhor a cada volta. Gostaria de agradecer o meu time e parabenizar Valentino.”

Daniele Romagnoli – Chefe de equipe – “Poderíamos terminar numa colocação melhor, porém não foi possível. Jorge fez um bom trabalho e teve uma boa corrida, ultrapassando vários pilotos, além disso, conquistamos pontos importantes. Vamos melhorar nas últimas corridas.”

Piloto, Equipe, Naturalidade, Tempo Total
1, Valentino Rossi, Yamaha, ITA, 43`28.841
2, Toni Elias, Ducati, ESP, 0`15.004
3, Loris Capirossi, Suzuki, ITA, 0`21.689
4, Shinya Nakano, Honda, JPN, 0`25.859
5, Anthony West, Kawasaki, AUS, 0`29.465
6, Chris Vermeulen, Suzuki, AUS, 0`30.608
7, Marco Melandri, Ducati, ITA, 0`36.453
8, Alex De Angelis, Honda, SMR, 0`36.750
9, Andrea Dovizioso, Honda, ITA, 0`38.822
10, Jorge Lorenzo, Yamaha, ESP, 0`39.573
11, John Hopkins, Kawasaki, USA, 0`39.610
12, Sylvain Guintoli, Ducati, FRA, 0`40.892
13, James Toseland, Yamaha, GBR, 1`11.490
14, Colin Edwards, Yamaha, USA, 1`21.133
15, Daniel Pedrosa, Honda, ESP, 1`37.038
16, Randy De Puniet, Honda, FRA, 1`38.407

Piloto, Equipe, Naturalidade, Pontos
1, Valentino Rossi, Yamaha, ITA, 237
2, Casey Stoner, Ducati, AUS, 187
3, Daniel Pedrosa, Honda, ESP, 172
4, Jorge Lorenzo, Yamaha, ESP, 120
5, Andrea Dovizioso, Honda, ITA, 110
6, Colin Edwards, Yamaha, USA, 102
7, Chris Vermeulen, Suzuki, AUS, 99
8, Nicky Hayden, Honda, USA, 84
9, Shinya Nakano, Honda, JPN, 83
10, Loris Capirossi, Suzuki, ITA, 77
11, James Toseland, Yamaha, GBR, 75
12, Toni Elias, Ducati, ESP, 66
13, Alex De Angelis, Honda, SMR, 49
14, Sylvain Guintoli, Ducati, FRA, 42
15, Marco Melandri, Ducati, ITA, 41