RALLY DOS SERTÕES – Prova já passa da metade

Depois de 2.998 quil“metros, de um total de quase 4.700, os l¡deres sÆo Jean Azevedo nas motos, Edu Piano e Rog‚rio Almeida nos carros e Amable Barrasa e Jos‚ Papacena nos caminhäes .

Natividade (TO) – O Rally Internacional dos Sertäes 2005 j  passa de sua metade. Nesta sexta-feira, entre SÆo F‚lix do JalapÆo e Natividade, ambas no Estado do Tocantins, foi disputada a s‚tima das 11 etapas previstas. Hoje, a especial teve apenas 100 km dos 328 km previstos. O trecho foi encurtado devido a uma ponte que nÆo aguentaria a passagem dos ve¡culos.

Nas motos, o chileno Carlo de Gavardo levou a melhor pelo segundo dia consecutivo. Ele fez 01h04min07s. Em segundo, chegou Jean Azevedo, com 01h04min47s, seguido por Jos‚ H‚lio, com 01h08min42s.

Nos carros, Guilherme Spinelli e Marcelo V¡volo conseguiram vencer com o tempo de 01h07min24s. Marlon Koerich e Joseane Koerich chegaram em segundo, com 01h08min55s. Em terceiro, Edu Piano e Marcos Almeida completaram o trecho em 01h10min22s.

J  nos caminhäes, Luciano Brites e Carlos Eduardo Cunha chegaram em primeiro com 1h35min34s. Amable Barrasa e Jos‚ Papacena vieram a seguir com 1h40min02s, seguidos de Alfredo Andrade e Leandro Siqueira, com 1h46min25s.

Panorama geral
Depois de 2.998 quil“metros, de um total de quase 4.700, j  teve de tudo na maior prova off-road das Am‚ricas e a terceira do mundo em n£mero de participantes. As duas primeiras etapas foram marcadas por puni‡äes para os competidores que ultrapassaram os 150 km/h. Mais de 50 deles foram penalizados. Esta edi‡Æo do Rally dos Sertäes tem todos os ve¡culos equipados com um sistema eletr“nico chamado Spy, para punir aqueles que ultrapassarem 150 km/h. A medida visa aumentar a seguran‡a de competidores e do p£blico.

Os acidentes tamb‚m chamaram a aten‡Æo nos primeiros dias. O bicampeÆo dio Fuchter viu o sonho de ser o primeiro tricampeÆo em carros desmorar. Ele e seu navegador JoÆo Eduardo Gomes bateram de frente com Cristian Baumgart e Alberto Andreotti. Ambos sa¡ram da prova.

At‚ agora, das 66 motos que largaram, 36 continuam na disputa. Nos carros, na categoria Cross Country, restam 57 dos 82 que largaram. E dois dos 16 caminhäes abandonaram.

Tudo isso contribui para que a edi‡Æo deste ano esteja se provando, como j  fora avisado pela organiza‡Æo, a mais dif¡cil da hist¢ria do Rally dos Sertäes. Os favoritos em carros e caminhäes estÆo tendo problemas.

Nos carros, os atuais bicampeäes Guilherme Spinelli e Marcelo V¡volo tamb‚m estÆo longe do tri. Eles tiveram problemas no carro na 3¦ etapa, de AruanÆ a SÆo Felix do Araguaia (MT). Como se tratava da £nica etapa maratona desta edi‡Æo do Sertäes, a dupla nÆo pode receber ajuda mecƒnica e no dia seguinte nÆo conseguiu passar de 90 km/h. Mesmo com a vit¢ria de hoje, eles nÆo passam da 12¦ posi‡Æo, a mais de 3 horas dos l¡deres Edu Piano e Marcos Almeida. Atr s de Edu e Marcos, vem Ulysses Bertholdo e Rafael Capoani e Felipe Bibas e Emerson Cavasin.

Nos caminhäes, o atual bicampeÆo Andr‚ Azevedo tamb‚m enfrentou problemas no ve¡culo e est  em 14§ lugar, a mais de 19 dos l¡deres Amable Barrasa e Jos‚ Papacena. Em segundo na categoria, vˆm Ricardo Domingues e Nilo de Paula. Em terceiro, Carlos e Guido Salvini.

Nas motos, cuja disputa vale como quinta etapa do Campeonato Mundial de Rally Cross Country, o vice-campeÆo da £ltima edi‡Æo do Paris-Dakar atual vice-l¡der do Mundial, o espanhol Marc Coma, abandonou o Sertäes ontem por problemas no cƒmbio da moto. J  Jean Azevedo segue firme na lideran‡a. Ele tem mais de 1 hora de vantagem sobre o chileno Carlo de Gavardo e apenas administra a vantagem. Em terceiro, est  Jos‚ H‚lio.