Ramon Sacilotti vence a primeira etapa do Rally dos Sertões 2016

Rally dos Sertões: Ramon Sacilotti vence a primeira etapa

Sertoes_Cabeca_01

O vencedor nas motos na primeira etapa do Rally dos Sertões 2016 foi Ramon Sacilotti (Kawasaki – 1h38min24), seguido de Jean Azevedo (Honda – 1h39min13) em segundo, Tunico Maciel (Honda – 1h39min17) em terceiro, Ricardo Martins (  Yamaha – 1h40min34) em quarto e Gregorio Caselani (Honda 1h41min42) em quinto. Neste domingo (dia 4) Os pilotos partiram de Goiânia (GO) e chegaram a Padre Bernardo (GO). Cristiano Batista e Robledo Nicoletti venceram nos UTVs e Marcelo Medeiros nos Quadriciclos. Amanhã (dia 5), a caravana avança para Posse (GO).

Ramon Sacilotti vence a primeira etapa do Rally dos Sertões 2016

Ramon Sacilotti vence a primeira etapa do Rally dos Sertões 2016 – crédito: FotoP – Connect Photos

Ramon Sacilotti, o primeiro na classificação das motos, destacou as dificuldades enfrentadas na trilha. “Foi uma etapa bem travada, com trecho de serra de piso liso e escorregadio, em que não podia vacilar nas curvas, porque tinha muitos abismos. Consegui imprimir um ritmo legal, sem arriscar muito e nem cometer erros e veio um resultado bom”, afirmou.

Jean Azevedo, que largou na ponta, foi atrapalhado por uma porteira fechada. “Fiz uma especial boa, mas perdi algum tempo, pois no começo eu achei uma porteira fechada, que tive de parar e descer da moto para abrir, pois estava amarrada com corrente”, afirmou o piloto. “Por acaso, em 2003, na etapa Goiânia-Padre Bernardo, eu bati numa porteira e me machuquei”, relembrou, que na ocasião teve de abandonar o rali. Jean entrou com recurso para que seja descontado o tempo que perdeu para remover o obstáculo. A direção de prova irá analisar o documento após o encerramento da etapa.

Jean Azevedo tenta recuperar os minutos perdidos com uma porteira fechada com corrente - foto: Victor Eleutério

Jean Azevedo tenta recuperar os minutos perdidos por causa de uma porteira trancada com corrente – foto: Victor Eleutério

Tunico Maciel: “Foi uma etapa boa, curta mas que já deu para achar um ritmo bom de prova. Peguei muita poeira. Especial muito técnica, travada, com muita serra. Agora vou estudar bem a planilha de amanhã para seguir bem”, afirmou.

Como foi a primeira etapa – 4/9

Goiânia (GO) – Padre Bernardo (GO)
Deslocamento inicial: 248,43 km
Trecho especial: 111,79 km
Deslocamento final: 4,32 km
Total do dia: 364,54 quilômetros

Descrição: A especial começou com muitas subidas e descidas. Em uma região montanhosa, com muitas trilhas estreitas e sinuosas, com abismos dos dois lados e muitos tops sem visão, que exigiram total concentração dos pilotos e navegadores. O piso predominante foi o cascalho e a piçarra. Foi uma especial de média velocidade, com poucas retas e a poeira estava muito intensa.

Resultados da primeira etapa

Motos
1º Ramon Sacilotti 1h38min24
2º Jean Azevedo 1h39min13
3º Tunico Maciel 1h39min17

Quadriciclos
1º Marcelo Medeiros 1h46min49
2º Diogo Zonato 1h52min26
3º Giovanni Ramos Filho 1h54min53

UTVs
1º Cristiano Batista/Robledo Nicoletti 1h44min16
2º Bruno Sperancini/Breno Resende 1h48min57
3º Enrico Almeida/Alvaro Almeida 1h52min04

Rally dos Sertões 2016 -roteiro completo

Rally dos Sertões 2016 -roteiro completo

Como será a segunda etapa – 5/9

Padre Bernardo (GO) – Cavalcante (GO)
Deslocamento inicial: 34,27 km
Trecho especial: 374,84 km
Deslocamento final: 9,19 km
Total do dia: 418,3 quilômetros

Descrição: A especial terá início próximo a Mimoso de Goiás e será uma das mais técnicas e duras de todos os tempos. A largada será em zona agrícola, com longas retas. A competição segue por estradas de fazendas bem estreitas, sinuosas e com muitas lombas e lombadas. A prova continua por uma região montanhosa, com muitas pedras, lajes e zonas de trial com grandes erosões. A prova fica mais rápida e com todos os tipos de terreno (cascalho, piçarra, pedras grandes e lajes), alternando trechos de média e baixa velocidade. No último quarto da especial a prova fica bem veloz, seguindo assim até a última descida de serra, próximo a Cavalcante.

O Rally dos Sertões tem patrocínio da Honda, Mitsubishi e Outback. Apoio de Pirelli e Cidade Alpha Goiás. Apoio institucional do Governo do Tocantins e Governo de Goiás, através do Detran-GO, com o Programa Balada Responsável.

Separador_motos

Fonte: VipComm



Mário Sérgio Figueredo

Motociclista apaixonado por motos há 42 anos, começou a escrever sobre motos como hobby em um blog para tentar transmitir à nova geração a experiência acumulada durante esses tantos anos. Sua primeira moto foi a primeira fabricada no Brasil, a Yamaha RD 50.