Guilherme Cascaes defende o título conquistado em 2012

Rally Transbahia: campeões defendem títulos em duas e quatro rodas

Válido como etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro de Regularidade para motocicletas e quadriciclos, o Rally Transbahia promete disputas acirradas entre os pilotos.

Guilherme Cascaes defende o título conquistado em 2012

Guilherme Cascaes defende o título conquistado em 2012

Atual bicampeão brasileiro da modalidade, o catarinense Guilherme Cascaes defende o título sobre duas rodas. Já entre os quadriciclos, o campeão da prova em 2012 Audir Neto, do Piauí, é forte candidato. O evento será realizado nos dias 11, 12 e 13 de abril de Porto Seguro a Itacaré, passando ainda por Canavieiras e Ilhéus.

“As expectativas são muito boas, venci no ano passado e espero repetir o resultado. O Transbahia é um campo neutro para todos os competidores, já que no Brasileiro não há nenhum representante da região, então ninguém leva vantagem por conhecer o percurso. Outro ponto positivo é que a prova será bastante longa, e eu geralmente vou bem em disputas assim, nas quais a regularidade é ainda mais exigida”, comentou Cascaes.

Audir Neto só não estará no rali se houver algum imprevisto. “Eu gosto muito do estilo de prova do Transbahia, que é bastante técnico, duro e com médias justas. É preciso ficar ligado o tempo todo na navegação, já que o percurso possui muitos laços”, explicou. Ele tem na ponta da língua os fatores importantes para ser campeão. “Em primeiro lugar, calma e muita paciência. Depois, com concentração e treino, é só fazer o que sabe”, concluiu.

O roteiro das motocicletas será exclusivo e possui 622 quilômetros de desafios pelas belezas da região sul baiana. Já os quadriciclos rodam com a mesma planilha dos carros e UTVs, com 638 km de caminho pela frente. O Transbahia é válido também pelo Brasileiro de Rally de Regularidade 4×4 para carros.