Recorde de pilotos estrangeiros na etapa de Foz do Iguaçu/PR Brasileiro de Motocross

O Pro Tork Campeonato Brasileiro de Motocross 2010 entra mais uma vez para a história da modalidade no país. Pela segunda vez no mesmo ano, uma etapa bate recorde de pilotos estrangeiros inscritos. Neste domingo, a 4ª etapa, em Foz do Iguaçu/PR, terá nada menos que dez pilotos de fora do país alinhando no gate e disputando as curvas e os saltos com os pilotos brasileiros.

O americano Scott Simon (Pro Tork), líder da classificação geral das categorias MX1 e MX2, é o principal destaque do campeonato, que conta também com o britânico Adam Chatfield (2B Duracell), o costarriquenho Roberto Castro (Pro Tork/Flash Power), o venezuelano Humberto Martin (Pro Tork) e o argentino Jose Felipe, que chegou a liderar a prova de abertura do Brasileiro na categoria MX1, em Siqueira Campos/PR.

– Gostei muito de ter vindo correr no Brasil. As pessoas aqui adoram motocross, há bons pilotos, boa organização das provas, enfim… estou feliz de estar aqui disputando o Campeonato Brasileiro – disse Adam, que retorna para a Inglaterra na segunda-feira, logo após a etapa de Foz. – Vou disputar uma etapa do campeonato britânico e ainda volto ao Brasil para 5ª etapa do Campeonato Brasileiro. Depois disso retorno aos Estados Unidos para disputar o AMA Motocross. Estou negociando com o Balbi e a 2B Duracell. Gostaria muito de voltar ao Brasil no ano que vem. Vamos ver o que acontece – completa.

Para o paulista Thales Vilardi, terceiro colocado na MX1 em Quissamã/RJ, a oportunidade de intercâmbio com os estrangeiros é importante tanto para o campeonato quanto para os pilotos brasileiros.

– É bem diferente saber que temos tantos estrangeiros no Campeonato Brasileiro. Nunca corri fora do país, e tendo contato com dez “gringos” na mesma etapa, a gente acaba aprendendo um pouco e eles também com a gente. Isso vem para nos ajudar e crescer ainda mais o nível dos pilotos e do campeonato – declarou Thales. – Estou contente e bem confiante. Tenho treinado bastante nas últimas semanas, estou bem fisicamente e bem preparado para a prova – ressaltou Vilardi.

Um dos principais nomes do campeonato em 2010, o costarriquenho Roberto Castro também comemora a participação no Pro Tork Brasileiro de Motocross.
– Acho muito legal ter tantos estrangeiros. Isso faz uma competição melhor para o público, afinal é pra isso que a gente vem aqui. O Campeonato Brasileiro tem uma estrutura muito boa, e precisa disso, de mais competição. Com certeza vai elevar o nível dos pilotos – afirmou Castro.

Entre os outros estrangeiros presentes na 4ª etapa do Brasileiro de Motocross em Foz do Iguaçu estão os argentinos Sergio Seewald e Ezequiel Gaston, e os paraguaios Jorge Curi, Marcos Ovelar e Marciano Rausis. Devido à chuva que mais uma vez não deu trégua em Foz do Iguaçu, a direção de prova decidiu não realizar os treinos deste sábado, 17/07. Neste domingo, dia 18, o warm up valerá também como treino classificatório.

A 4ª etapa do Pro Tork Campeonato Brasileiro de Motocross é uma promoção da MZ Sports Competições & Eventos, com apoio da Prefeitura de Foz do Iguaçu através da secretaria de Esportes e Lazer. A organização é da Federação Paranaense de Motociclismo, com realização e supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo.

Confira a programação deste domingo:
Warm Up
8h30m às 8h40m – 230cc
8h50m às 9hm – MX3
9h10m às 9h20m – 65cc
9h30m às 9h40m – MX2
9h50m às 10h – 85cc
10h10m às 10h20m – MX1
11h – Abertura oficial

Provas
11h30m – MX3
12h20m – 65cc
13h10m – MX2
14h10m – 230cc
15hm – 85cc
15h50m – MX1