Rigor Rico em sua participação no Mundial de Enduro FIM em Talca (CH)

Rigor Rico tem balanço positivo na estreia do Mundial de Enduro FIM

Depois de muita expectativa, Rigor Rico estreou no Campeonato Mundial de Enduro FIM para motocicletas com balanço positivo. O piloto da Gas Gas Racing Team confirmou 19ª e 23ª colocações nas provas que abriram a competição neste final de semana em Talca, a 300 quilômetros da capital Santiago, no Chile. “Gostei bastante de andar e aprendi muita coisa que irá me ajudar na Argentina”, disse o brasileiro, referindo-se- ao palco da segunda etapa da competição, dias 23 e 24 de março na cidade de San Juan.

Rigor Rico em sua participação no Mundial de Enduro FIM em Talca (CH)

Rigor Rico em sua participação no Mundial de Enduro FIM em Talca (CH)

O brasileiro utilizou o numeral 93 na sua motocicleta dotada de motor 2 Tempos e foi um dos últimos a largar no primeiro dia de disputas em Talca, no último sábado. “Peguei muita poeira e retardatários, o que dificultou bastante para que eu conseguisse fazer um tempo baixo. O sábado foi um dia de muitos problemas, como erros e tombos, mas mesmo assim finalizei em 23º. Estava tão ansioso que tomei penalização por passar adiantado no CH (Controle de Horário), o que me custou umas três posições”, relatou Rigor Rico.

Depois de descarregar a tensão da estreia na trilha, o mineiro já se sentiu mais confortável na prova de domingo. “Pus a cabeça no lugar e andei com muito mais calma, conseguindo baixar os tempos. Errei pouco, o meu principal erro foi não conseguir subir de primeira uma ladeira no Extreme Teste e acabei perdendo bastante tempo. Andei sem cansar muito, a trilha tinha terreno acidentado e controle de horário apertado, e fui 19º. Pelas especiais serem muito grandes, é necessário poupar o equipamento e a parte física, pois a prova vai cansando pouco a pouco. A primeira volta é tranquila, a segunda já fica bem mais difícil e a terceira e última, bastante complicada”, concluiu o brasileiro, com muito bom humor.