romulo Enduro

Rômulo Bottrel vence 2ª etapa do Brasileiro de Enduro

A Copa EFX Brasil de Enduro movimentou as trilhas de Arujá, São Paulo, neste final de semana ao realizar a segunda etapa da temporada 2016. Na Elite, Rômulo Bottrel travou uma batalha muito equilibrada contra o capixaba Bruno Crivilin, vencendo por cerca de dois segundos de diferença. Agora Rômulo é o novo líder do campeonato, com 51 pontos, mesmo número de Bruno. A briga pela taça esquentou.

Bruno Cavallin segue na briga pelo título, com o mesmo número de pontos de Rômulo

Bruno Cavallin segue na briga pelo título, com o mesmo número de pontos de Rômulo

“Foi uma prova bem apertada do início ao fim. No começo, abri uma vantagem pequena, mas acabei errando. O Bruno (Crivilin) teve um erro similar, então o tempo que perdi ele acabou perdendo também. Com isso a prova ficou mais equilibrada. Consegui terminar com uma vantagem de dois segundos na liderança”, comentou Bottrel que além de vencer na Elite, a principal categoria da Copa, também ficou em primeiro na geral.

O número 51 também é realidade na categoria Junior, pois com esta pontuação Vinícius Calafati assume a ponta da tabela. Ele venceu a prova deste final de semana, e Tunico Maciel, que ocupa a segunda colocação no campeonato com os mesmos 51 pontos, ficou em segundo.

Outras categorias têm mais distância dos líderes para os demais colocados. É o caso da E1, onde quem se sobressaiu foi Bruno Batista, e da E2, em que Cauê Aguiar foi o mais rápido. Ambos acumulam 54 pontos e começam a se distanciar dos concorrentes na briga pelos títulos.

Na categoria Feminina Janaína Souza voltou determinada a vencer e conseguiu subir ao ponto mais alto do pódio.Com cerca de cinco minutos de vantagem sobre a segunda colocada Tainá Aguiar, Jana venceu com folga e retomou a liderança do campeonato. A classificação também considera a disputa do Enduro FIM Xperience da Mulher, realizado em março, portanto para elas esta foi a terceira etapa.

Copa EFX de Enduro integra diversas categorias. Na foto, André Ferreira, piloto da categoria Over35

Copa EFX de Enduro integra diversas categorias. Na foto, André Ferreira, piloto da categoria Over35

Rodrigo Matavelli venceu, pela primeira vez, uma prova na categoria E5, enquanto Reinaldo Almeida, por sua vez, conquistou a E6. André Tibyrica faturou a E3, Wanderson Andrade venceu na E4, Nielsen Bueno foi o melhor na Over 35, José Roberto Polaz conquistou a Over 45, José Alexandre Tommaso levantou o troféu na Over 50, Guilherme da Silva conquistou a E8 e Patric Quentin a Taça Cidade. Na disputa por equipes, o Zanol Team faturou a primeira colocação.

A prova reuniu mais de 120 pilotos de todo o país, que tiveram a sua frente quatro voltas por um trajeto de cerca de 35 quilômetros. A terceira etapa da Copa EFX Brasil de Enduro será disputada no dia 19 de junho em Três Corações, Minas Gerais. Porém, antes o Adrenatrilha Trail Club (organizador da competição) realizará a segunda etapa da CACC (Copa Adrenatrilha de Cross Country), programada para o dia 22 de maio, também em Arujá.



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.