Rossi vence primeiro Red Bull Indianápolis Grande Prémio

Rossi vence primeiro Red Bull Indianápolis Grande Prémio

Rossi vence primeiro Red Bull Indianápolis Grande Prémio

A primeira corrida da historia do MotoGP da Indianápolis Motor Speedway foi ganha por Valentino Rossi, uma prova que terminou quando ainda faltavam meia dúzia de voltas para o final.

Valentino Rossi aumentou a liderança no campeonato do mundo de MotoGP com a vitória no primeiro Red Bull Indianápolis Grande Prémio da história, com a corrida a ser dada por concluída quando faltavam sete voltas do final por motivos de segurança provocados pelos fortes ventos e a pista molhada.

Atrasada até às 15h00 a corrida iniciou-se com o asfalto molhado, isto depois da tirada de 125cc. Já ter sido encurtada devido às condições meteorológicas.

Rossi tinha como objectivo o número 69 no início da corrida, mas de duas formas diferentes; uma delas era estabelecer novo recorde de vitórias na categoria rainha, a outra perseguir o piloto com o mesmo número. O herói da casa Nicky Hayden, homem que inaugurou o circuito de Indianápolis em Abril passado, não teve contemplações enquanto estabelecia impressionante ritmo na frente. O piloto da Repsol Honda assumiu a liderança na segunda volta e estabeleceu as voltas mais rápidas da corrida de forma contínua numa tentativa de se isolar de Rossi.

Contudo, o líder da classificação de Moto GP conseguiu sempre acompanhar o campeão do mundo de Moto GP de 2006 e efectuou a quase inevitável ultrapassagem à décima quarta volta. A partir desse momento tratou-se apenas uma questão de manter a calma rumo à quarta vitória consecutiva garantindo, assim, mais um marco no Moto GP com a primeira vitória de sempre na categoria rainha em Indianápolis. Um resultado que se torna ainda mais importante quando se tem em conta que passa agora a contar com uma vantagem de 87 pontos na classificação.

Hayden regressou ao pódio depois de ter ficado de for a em dois Grandes Prémios consecutivos devido a lesão no pé. O norte-americano manteve a calma apesar de alguns sustos logrando assim terminar em segundo – o primeiro pódio do ano para o – Kentucky Kid – . À 20ª volta o norte-americano viu os cinco segundo de vantagem que detinha sobre Jorge Lorenzo desaparecer quase por completo, altura em que a Direcção de Corrida decidiu dar por concluído mais cedo o Red Bull Indianápolis Grande Prémio.

Conversas entre a IRTA e o Director Executivo da Dorna, Carmelo Ezpeleta, criaram alguns momentos mais nervosas antes do anúncio dos resultados oficiais, sendo a corrida oficialmente considerada como terminada.

Lorenzo garantiu o segundo pódio consecutivo, sem nunca ter sido importunado pelo grupo perseguido a meio da corrida. A quase dezanove segundos de distância terminou o campeão do mundo Casey Stoner, agora com a renovação do ceptro a apresentar-se bastante mais difícil.

Depois de liderar pela primeira vez uma corrida de MotoGP Andrea Dovizioso levou a sua JiR Team Scot Honda ao quinto posto, a menos de um segundo de Stoner, enquanto o piloto da casa e recém consagrado tri-campeão AMA Superbike Ben Spies fechou a lista dos seis primeiros.

Sylvain Guintoli, Dani Pedrosa, Chris Vermeulen e Alex de Angelis completaram o Top 10.